Campinas do Piauí - PI

Homem é condenado à prisão por matar a companheira no Piauí

A sessão foi presidida pelo juiz Antônio Genival Pereira de Sousa e o julgamento aconteceu na quinta-feira (29).

Wanessa Gommes
Teresina
- atualizado

O Tribunal Popular do Júri condenou, na quinta-feira (29), Raimundo Barbosa Campos a 9 anos e 4 meses de prisão, em regime semiaberto, por homicídio privilegiado duplamente qualificado praticado contra sua companheira Maria de Fátima de Sousa, ocorrido em 2004. A sessão foi presidida pelo juiz Antônio Genival Pereira de Sousa, da Vara Única da Comarca de Campinas do Piauí.

Maria foi morta com uma facada, na localidade de Passagem do Vaqueiro, entre as cidades de Floresta do Piauí e Campinas do Piauí.

De acordo com a sentença, como o réu está preso desde o dia 29 de junho de 2004 tendo sido posto em liberdade em 03 maio de 2008, perfaz aproximadamente 3 anos e onze meses de cumprimento da pena, restando a ele cumprir 05 anos e 05 meses. Foi concedido ainda o direito do réu recorrer à sentença em liberdade.

Para o promotor de Justiça Roberto Monteiro, representante do Ministério Público do Estado do Piauí, no julgamento, o processo teve um resultado positivo: “A sociedade local demonstrou que autores de crimes como este, cometido no âmbito familiar, não ficarão impunes, desestimulando toda forma de violência contra a mulher”, afirmou.