Coronavírus no Piauí

Junta Comercial do Piauí mantém suspensão de atendimentos presenciais

A presidente da Jucepi, Alzenir Porto, prorrogou por tempo indeterminado o prazo de suspensão do atendimento presencial na sede do órgão, por conta da pandemia de covid-19 (coronavírus).

Thais Guimarães
Teresina
- atualizado

A Junta Comercial do Estado do Piauí (Jucepi), por meio de sua presidente, Alzenir Porto, prorrogou por tempo indeterminado o prazo de suspensão do atendimento presencial na sede do órgão, em virtude das medidas restritivas que foram decretadas no estado por conta da pandemia de covid-19 (coronavírus).

A medida foi anunciada na Portaria Nº 016/2020, publicada no Diário Oficial no dia 22 de junho. “A presidente da Junta Comercial do Estado do Piauí, no uso de suas atribuições legais, resolve prorrogar, por tempo indeterminado, a suspensão do atendimento presencial na sede desta Jucepi. O retorno das atividades presenciais desta Jucepi está condicionado a determinações publicadas pelo Governo do Estado do Piauí”, consta na portaria.

A presidente da Jucepi levou em consideração o fato de que o órgão já está atendendo por meio digital, portanto, não haverá prejuízos quanto ao atendimento ao público.

Enquanto durar a suspensão das atividades presenciais, a Jucepi atenderá exclusivamente por meio do seu site oficial, de segunda a sexta-feira no horário de 7h30 às 13h30. Os casos de solicitações urgentes serão atendidos pelos números de telefone (086) 98876-3359 e 98845-8745.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Wellington Dias prorroga decreto e mantém comércio fechado por mais 15 dias

Wellington Dias anuncia abertura gradual do comércio a partir de 6 de julho