Teresina - PI

Ministério Público investiga esquema de corrupção em Paulistana

A portaria nº 32 foi assinada pela procuradora da República Cecília Vieira de Melo Sá Leitão, na última segunda-feira (09).

WANESSA GOMMES
DE TERESINA
- atualizado

O Ministério Público Federal no Piauí instaurou inquérito civil para investigar irregularidades no município de Paulistana, distante 460km de Teresina. A portaria nº 32 foi assinada pela procuradora da República Cecília Vieira de Melo Sá Leitão, na última segunda-feira (09).

O objetivo é investigar supostas práticas de esquema de corrupção envolvendo caminhões pipa na região do município de Paulistana, fatos que, segundo a portaria, dizem respeito ou acarretam danos efetivos ou potenciais a interesses cuja defesa compete ao Ministério Público.

A procuradora determinou envio de ofício à Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, órgão do Ministério da Integração Nacional, para que informe quais mecanismos de acompanhamento e controle são adotados pelo Ministério, com o escopo de promover o monitoramento dos recursos destinados à disponibilização de água por intermédio de caminhões pipa no município de Paulistana.

Outro lado

Procurado, na tarde deste domingo (15), o prefeito de Paulistana,Gilberto José de Melo, mais conhecido como Didiu, não foi localizado para comentar a investigação. O GP1 está aberto a esclarecimentos.