Polícia

Piauí gastou quase 12 milhões com combustíveis para PM em 2017

A informação foi confirmada pelo comandante geral da PM-PI, coronel Carlos Augusto. O comandante explicou que o valor gasto com combustíveis cresceu cerca de 200%.

THAIS GUIMARÃES
- atualizado

O Piauí gastou em média R$ 1 milhão por mês com combustível para as viaturas da Polícia Militar neste ano, chegando a quase R$ 12 milhões no total. A informação foi confirmada pelo comandante geral da PM-PI, coronel Carlos Augusto. O comandante explicou que o valor gasto com combustíveis cresceu cerca de 200%.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Coronel Carlos AugustoCoronel Carlos Augusto

“Em 2014, foram R$ 292 mil gastos em combustíveis na Polícia Militar. Hoje, todos os meses nós gastamos cerca de R$ 1 milhão e cem mil reais, e esse dinheiro é do tesouro estadual. Aumentamos mais de 200%, somente nesse quesito, fora outras demandas que temos atendido”, informou o coronel da PM.

Na última quinta-feira (30) a Polícia Militar recebeu mais cinco viaturas, que foram incorporadas ao Batalhão de Rondas Ostensivas de Naturezas Especiais (BPRONE). Os veículos devem cobrir primordialmente a zona rural leste de Teresina.