Brasil

Suzane Richthofen tem parecer favorável para regime aberto

A Defensoria Pública foi quem solicitou que Suzane possa cumprir pena no regime aberto, alegando que ela já cumpriu o tempo de pena necessário para ter direito à progressão para o regime aberto.

BÁRBARA RODRIGUES

- atualizado

Um exame criminológico solicitado pelo Ministério Público a uma junta médica deu parecer favorável para que Suzane Von Richthofen, que foi condenada a 39 anos de prisão pela morte dos pais, possa cumprir o restante da pena em liberdade. Segundo informações do G1, o exame foi concluído nessa semana.

A Defensoria Pública foi quem solicitou que Suzane possa cumprir pena no regime aberto, alegando que ela já cumpriu o tempo de pena necessário para ter direito à progressão para o regime aberto.

  • Foto: Reprodução/TV VanguardaSuzane Von RichthofenSuzane Von Richthofen

Suzane está no presídio localizado em Tremembé, em São Paulo, desde 2006. Agora o caso dela irá para julgamento na Justiça, onde será feita a análise desse parecer favorável após o exame criminológico.

Segundo a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), Suzane só teria esse direito de pedir a mudança em 2019, mas a Defensoria alega que ela merece esse abatimento na pena em 996 dias em decorrência do trabalho de costureira que exerceu no presídio. Ela também já trabalhou como enfermeira e na copa do presídio.

Suzane já manifestou que ao sair da prisão e pretende trabalhar e estudar. Uma confecção de Angatuba, em São Paulo, onde vive o namorado da detenta, ofereceu emprego para ela.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB