GP1

Teresina - Piauí

Sílvio Mendes sobre saída de Washington Bonfim: “cada um toma sua decisão”

Bonfim confirmou ao GP1 interesse de disputar o Governo do Piauí, provavelmente pelo Cidadania.

O ex-prefeito de Teresina Sílvio Mendes se pronunciou, nesta terça-feira (12), sobre a decisão do professor Washington Bonfim de deixar o PSDB para se filiar a outro partido, provavelmente o Cidadania, e se lançar ao cargo de governador do Piauí nas eleições de 2022. O ex-gestor foi cirúrgico ao afirmar que cada um segue o caminho que achar melhor.

Durante a conversa, Sílvio destacou a competência do professor, mas reforçou que foi ele quem introduziu Bonfim na vida pública quando o convidou para fazer parte da administração da Prefeitura de Teresina.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Entrevista com Sílvio Mendes
Entrevista com Sílvio Mendes

“O professor Washington Bonfim, quem levou ele para a prefeitura, para gestão pública, fui eu. Ele foi um bom secretário de Educação, fez muitas coisas boas e se distanciou porque foi para São Paulo. Mas ele é um grande dirigente, grande educador, um grande professor. Cada um toma sua decisão, vai pelo caminho que acha melhor. Desse lado aqui [da oposição] reina a paz, não tem desculpa. Estamos querendo o melhor para Piauí e vai ser assim”, afirmou Mendes.

Reunião

Sílvio ainda se pronunciou sobre a reunião ocorrida nessa segunda-feira (11) na residência do ministro Ciro Nogueira (Progressistas) em Teresina, onde os líderes da maioria dos partidos da oposição, estavam presentes.

“Estávamos avaliando nossas andanças, o sentimento de mudança, de como podemos fazer um planejamento melhor. Vamos andar o estado inteiro. Por isso, aceitei a sedução do Ciro de voltar a vida política. Eu te confesso que não tenho saudade do poder e nem de cargos. Contudo, é possível devolver aos piauienses o que recebemos tanto. É preciso devolver a quem precisa mais”, finalizou o ex-prefeito da Capital.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.