GP1

Piauí

Juiz arquiva inquérito de jovem morto com tiro no peito no Buenos Aires

A decisão é do juiz Valdemar Ferreira Santos, da Central de Inquéritos da Comarca de Teresina, dada no último dia 4 de fevereiro.

O juiz Valdemir Ferreira Santos, da Central de Inquéritos da Comarca de Teresina, determinou o arquivamento do inquérito que investigava o assassinato de Higor Santos Silva, 22 anos, que foi morto com um tiro no peito, na noite desta segunda-feira, 6 de julho de 2020, na Rua Narciso Correia Lima, no bairro Buenos Aires, zona norte de Teresina. A decisão foi dada no último dia 4 de fevereiro.

Nos autos, o magistrado destacou que durante investigações, o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) não identificou quem foi responsável pelo crime. “Pelo exposto, considerando que não foi possível identificar o(s) autor(es) do delito investigado, concluo o procedimento policial sem indiciamento, razão pela qual sugiro o arquivamento”, pontuou.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Local que aconteceu o delito
Local que aconteceu o delito

Relembre o caso

Igor Santos Silva, de 22 anos, foi assassinado com um tiro no peito no dia 6 de julho de 2020, na Rua Narciso Correia Lima, no bairro Buenos Aires, zona norte de Teresina.

De acordo com o 9º Batalhão da Polícia Militar, Igor estava conduzindo uma motocicleta quando foi atingido pelo disparo. O jovem estava acompanhado de outra pessoa na motocicleta, que fugiu após a vítima ser abordada.

Testemunhas que presenciaram o crime contaram à nossa reportagem que o jovem era usuário de drogas.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.