GP1

Teresina - PI

Simepi lamenta morte do diretor clínico do SAMU João de Deus

"Expressamos condolências aos familiares, amigos e à classe médica”, afirma o sindicato em nota.

O Sindicato dos Médicos do Piauí (Simepi), emitiu nota de pesar pelo falecimento do médico João de Deus Pereira Filho, que morreu neste sábado (29) em Teresina, após complicações em decorrência de uma cirurgia.

“É com profundo pesar que o Sindicato dos Médicos do Estado do Piauí - SIMEPI, lamenta o falecimento do Dr. João de Deus Pereira Filho, ocorrido neste sábado (29/05), após complicações decorrentes de uma cirurgia”, consta na nota do Simepi.

O Simepi expressou suas condolências aos familiares e amigos do médico, que morreu aos 44 anos. “Dr. João de Deus era Diretor Clínico do Samu Teresina e servidor da Maternidade Dona Evangelina Rosa. Expressamos condolências aos familiares, amigos e à classe médica que compartilha a dor de sua partida”, finaliza a nota.

Formado em medicina pela Universidade Estadual do Piauí (UESPI), João de Deus concluiu Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia no ano de 2007 na Universidade Federal do Piauí (UFPI). Também fez Residência Médica em Mastologia na Clínica de Mastologia da UFPI e no Hospital Getúlio Vargas (HGV).

CRM-PI

O Conselho Regional de Medicina do Piauí (CRM-PI) também lamentou o falecimento precoce de João de Deus Pereira Filho. “Médico do SAMU Teresina deixará saudade à família e amigos, aos quais estendemos nossos sentimentos de pesar e solidariedade”, diz a nota do CRM-PI.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.