GP1

Teresina - Piauí

Franzé Silva diz que PSD não pode reclamar de Wellington Dias

O deputado fez a observação ao falar do interesse do PSD em indicar a vaga de vice na chapa majoritária.

O deputado estadual Franzé Silva (PT) lembrou, em entrevista ao GP1, nesse domingo (02), que os acordos firmados precisam ser cumpridos, inclusive, na política. Ele fez a observação quando falava do interesse do PSD em indicar a vaga de vice na chapa majoritária do Governo, mesmo com todo entendimento de que caberá ao MDB preencher o espaço em questão.

Franzé ponderou que esse entendimento firmado ainda em 2018 com MDB, não será motivo para que o PSD venha reclamar ao ponto de deixar a base aliada, usando como argumento o insucesso pelo cargo do vice na chapa a ser liderada pelo secretário da Fazenda, Rafael Fonteles (PT).

Foto: Lucas Dias/GP1Franzé Silva
Franzé Silva

"O PSD é um partido forte, que é respeitado na base, mas acordos políticos têm que ser cumpridos. Desde o início na reeleição do governador Wellington Dias, foi feito um diálogo e o MDB já se posicionou pela vaga de vice. Foi assumido um compromisso, que quem iria indicar a vice seria o MDB”, recordou o petista.

"Defendo que o MDB indique essa vaga, embora respeite e reconheça a importância do PSD. O PSD não pode reclamar do governador Wellington Dias e nem da base do Governo. PSD cresceu nesse governo e conseguiu se estruturar mais ainda a partir das ações do Governo Wellington Dias", destacou Franzé.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.