GP1

Teresina - Piauí

Acusadas de aplicar golpe de R$ 54 mil em empréstimo são presas em Teresina

Segundo a DRCI, a suspeita é que as acusadas fazem parte de uma associação criminosa de estelionato.

Três mulheres, de nomes não revelados, foram presas acusadas de estelionato, acusadas de realizar um empréstimo financeiro de R$ 54.000,00 (cinquenta e quatro mil reais), utilizando documentos falsificados no Centro de Teresina. As prisões foram realizadas no último dia 6 de janeiro.

Segundo o delegado Francírio Queiroz, delegado adjunto Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI) as três suspeitas são integrantes de uma associação criminosa dedicada à prática de estelionato contra instituições financeiras. A investigação apontou que a proprietária dos documentos trata-se de uma senhora do município de Picos.

“Destacamos que várias associações criminosas no Piauí estão recrutando mulheres para se dirigirem a instituições financeiras e, na posse de documentos falsos, realizar transações fraudulentas. Identificamos casos na capital e no interior e em 2022 será dada especial atenção a essa modalidade de estelionato”, destacou o delegado.

De acordo com a Polícia Civil, a prisão foi realizada após a DRCI ser acionada pela instituição financeira onde a vítima possui conta bancária. A investigação identificou que uma das acusadas havia realizado o empréstimo fraudulento de R$ 54.000,000 (cinquenta e quatro mil reais), com os documentos falsos.

Com a prisão das suspeitas, a Polícia CiviI conseguiu recuperar o valor do empréstimo. As investigações vão continuar para identificar outros envolvidos na associação criminosa.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.