Fechar
GP1

Teresina - Piauí

Sejus vai investigar fuga de presos da Casa de Custódia de Teresina

Pelo menos 10 detentos conseguiram fugir da unidade prisional na madrugada desta terça-feira (05).

A Secretaria de Estado da Justiça do Piauí (Sejus-PI) informou na manhã desta terça-feira (05), por meio de nota, que vai instaurar um procedimento administrativo para investigar a fuga de 10 presos da Penitenciária josé Ribamar Leite, a Casa de Custódia, na zona sul de Teresina.

Segundo a Sejus, a unidade prisional estava há mais de dois anos sem o registro de entrada de qualquer material ilício dentro de suas dependências e há mais de um ano sem registro de fuga no local, no entanto, com a ocorrência registrada na madrugada desta terça-feira, um procedimento administrativo será instaurado para apurar a falha de segurança que levou a fuga dos detentos.

Foto: Helio Alef/GP1Casa de Custódia de Teresina
Casa de Custódia de Teresina

Ainda conforme a Sejus, as forças de segurança do estado do Piauí já foram acionadas e estão em diligências com o intuito de localizar e recapturar os presos.


Sinpoljuspi denuncia condições precárias da unidade prisional

O presidente do Sindicato dos Policiais Penais do Estado do Piauí (Sinpoljuspi), Vilobaldo Carvalho, denunciou em entrevista ao GP1 que a fuga aconteceu durante o plantão de policiais militares.

“Você não tem ali na área superior da Casa de Custódia policiais penais, você tem policiais militares. O policial penal faz a parte de baixo normalmente e o policial militar faz a parte de cima. Policial penal tem uma rotina ali inclusive de fazer a ronda como foi feita. Só que quando foi feita a ronda já foi constatada a fuga. Então é claro que a Secretaria de Justiça vai ter que apurar as circunstâncias da fuga, mas essas são as primeiras informações nítidas que foram constatadas e que chegaram até nós como sendo uma falha que houve na parte da segurança na parte superior dos pavilhões que é feita pela PM”, denunciou Vilobaldo Carvalho

Foto: Alef Leão/GP1Vilobaldo Carvalho
Vilobaldo Carvalho

Vilobaldo Carvalho denunciou ainda que aparelhos que eram utilizados para vistoriar a entrada de pertences na unidade prisional estão quebrados e criticou a falta de estrutura do local.

“Não tem máquina de raio X funcionando para fazer aquela vistoria nos pertences, ela está quebrada. Então não tem a máquina de raio-X e não tem sistema de monitoramento eletrônico, de câmeras, que poderia inclusive ajudar nessa movimentação dos presos. Não tem cerca elétrica também funcionando. Então é uma série de situações de estrutura que acaba de certa forma contribuindo para que fatos como esse infelizmente acabam acontecendo”, criticou o presidente do Sinpoljuspi.

Confira a nota da Sejus na íntegra:

NOTA

A Gerência da Penitenciária Prof. José Ribamar Leite, em Teresina, informa que, na madrugada desta terça-feira (5), 10 presos fugiram do pavilhão I da unidade penal. Os foragidos são: Luiz André Evangelista de Santana, Wesley Vieira de Castro, Alesson Monteiro de Sena, Carlos Acácio Freitas dos Santos, José Danilo Oliveira Silva, Nilton César Silva Aguiar, Claudiano Sousa Santos, Francisco Assis de Sousa, Francisco Daniel de Sousa Martins e Adriano de Sousa Moura.

A Sejus ressalta que a unidade está há mais de dois anos sem a entrada de qualquer material ilícito em suas dependências como droga e celular, graças aos protocolos de segurança adotados no local e, também, estava há mais de 1 ano sem registro de fuga no local. A Sejus irá apurar o ocorrido desta madrugada e informa também que as forças de segurança do Estado já estão em diligências para as recapturas dos presos.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.