Fechar
GP1

Teresina - Piauí

Ex-secretário Francisco Canindé diz que Edson Melo mentiu sobre sua saída do PSDB

"Eu saí do PSDB no dia 05 de abril. Então quem está mentindo [ele ou Edson]?", questionou.

O ex-secretário Francisco Canindé (PDT), reagiu às declarações do vereador Edson Melo (PSDB) de que ele teria deixado o partido porque já estava se ‘bandeando’ para o lado do PT, que tem o deputado estadual Fábio Novo, como pré-candidato a prefeito de Teresina.

Canindé afirmou que Edson mentiu em suas colocações e esclareceu que saiu da agremiação somente depois que a lista com os pré-candidatos a vereador foi lançada e seu nome não tinha sido incluído. Dessa forma, o ex-secretário disse que concluiu que não tinha mais espaço para ele no ninho tucano.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Francisco Canindé, secretário de finanças
Francisco Canindé, secretário de finanças

“No dia 27 de março o PSDB lançou a relação de pré-candidatos da federação sem o meu nome. Eu saí do PSDB no dia 05 de abril. Então quem está mentindo [ele ou Edson]? Portanto, não procedem de jeito algum [as declarações de Edson]”, retrucou Canindé.


Descartou nome próprio

Depois desse descompasso com o PSDB, Francisco Canindé acompanhou o presidente regional do partido, o ex-deputado Luciano Nunes, e aderiu ao pré-candidato a prefeito de Teresina pelo PT, deputado Fábio Novo. Luciano migrou para a base do Governo mesmo com a sigla tucana tendo pré-candidatura própria representada pelo ex-senador João Vicente Claudino.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.