GP1

Piauí

Ministério Público do Piauí vai investigar prefeito Veríssimo Antonio

A portaria nº 65/2020 foi assinada, na última sexta-feira (18), pelo promotor de Justiça Vando da Silva Marques, da 2ª Promotoria de Justiça de Oeiras.

O Ministério Público do Estado do Piauí instaurou inquérito civil para investigar irregularidades na Prefeitura de Santa Rosa do Piauí, administrada pelo prefeito Verissimo Antonio Siqueira da Silva. A portaria nº 65/2020 foi assinada, na última sexta-feira (18), pelo promotor de Justiça Vando da Silva Marques, da 2ª Promotoria de Justiça de Oeiras.

O objetivo é investigar se a gestão municipal utilizou as máquinas e/ou bens pertencentes à administração pública municipal, bem como mão de obra de servidores ou contratados do município a fim de favorecer apoiadores políticos no atual cenário das eleições municipais para a realização de serviços de terraplanagem, desmatamento de áreas rurais e fundação de açudes.

  • Foto: Facebook/PrefeituradeSantaRosaVeríssimo Siqueira Veríssimo Siqueira

O promotor requisitou que o prefeito Veríssimo Antônio Siqueira da Silva preste esclarecimentos acerca da utilização de máquinas do PAC e outras pertencentes ao município no prazo de dez dias úteis a contar da notificação. Foi recomendado ainda que a prefeitura cesse imediatamente a utilização das máquinas e dos serviços e de mão de obra da prefeitura.

Outro lado

Procurado nesta terça-feira (22), o prefeito não foi localizado pelo GP1.

Confira o documento na íntegra:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Promotor investiga denúncia contra prefeito Veríssimo Antônio

Covid-19: prefeito Veríssimo é acusado de não fornecer EPI's aos servidores

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.