GP1

Piauí

Assembleia Legislativa do Piauí empossa 37 novos servidores efetivos

Foram ofertadas 42 vagas e 37 aprovados assumiram neste primeiro momento, tendo cinco deles desistido.

O presidente da Assembleia Legislativa do Piauí, deputado Themístocles Filho (MDB), presidiu a solenidade de posse os novos servidores efetivos da Alepi, aprovados no concurso público realizado em 2019. A posse aconteceu no Cine Teatro da Assembleia Legislativa, cumprindo todas os protocolos de higiene e segurança com a covid-19.
Foram ofertadas 42 vagas e 37 aprovados assumiram neste primeiro momento, tendo cinco deles desistido de assumir.
“Este é o terceiro concurso que fazemos na nossa gestão no Poder Legislativo. Vocês estão vindo para um bom ambiente de trabalho e tenho certeza que cada um de vocês irá contribuir para que a Assembleia Legislativa do Estado cresça e melhore cada vez mais”, afirmou Themístocles Filho, ao dar boas vindas aos servidores.

Foto: Divulgação/AscomAssembleia Legislativa do Piauí empossa 37 novos servidores efetivos
Assembleia Legislativa do Piauí empossa 37 novos servidores efetivos


O presidente do Conselho Escolar da Alepi e diretor da Escola do Legislativo, professor Edmar Rodrigues, falou da alegria de receber os novos funcionários do Legislativo. “O concurso do Alepi foi de grande envergadura e isso aconteceu por decisão do presidente Themístocles Filho, que destinou emenda pessoal para dar suporte à realização do certame. E é com muita alegria que recebemos todos os novos servidores”.

O ato de convocação dos 42 servidores, aprovados no último concurso da Assembleia Legislativa do Piauí, foi publicado no Diário Oficial de 3 de maio, assinado pelo presidente Themístocles Filho (MDB) em 30 de abril. O certame foi realizado em 2019 para vagas para os cargos de consultor e assessor técnico legislativo.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.