GP1

Piauí

Polícia Civil do Piauí lamenta morte de escrivão em acidente

O escrivão trafegava em uma motocicleta quando acabou se chocando frontalmente com um ônibus.

A Polícia Civil do Piauí, por meio do delegado geral, Luccy Keiko, emitiu nota de pesar nesta quarta-feira (12) pelo falecimento do escrivão Abelardo José de Oliveira, que morreu nesta terça (11) após se envolver em um grave acidente no interior do Piauí.

“No presente expediente, a Delegacia Geral de Polícia Civil vem, por meio da presente nota, manifestar votos de pesar pelo falecimento do Escrivão de Polícia Civil Abelardo José de Oliveira, ocorrido em 11/01/2022”, diz a nota.

Foto: Reprodução/WhatsAppAbelardo José de Oliveira
Abelardo José de Oliveira

De acordo com a Polícia Civil, o escrivão estava lotado na Delegacia Regional e Picos. Por fim, a instituição prestou condolências e desejou conforto aos familiares e amigos do policial civil.

“O Delegado Geral, Luccy Keiko Leal Paraíba, em nome de toda Instituição, deseja conforto aos familiares e amigos nesse momento de dor”, finaliza a nota.

O acidente

O escrivão da Polícia Civil Abelardo José de Oliveira morreu após se envolver em um grave acidente no entroncamento da BR 020 com a BR 316, entre Picos e Geminiano. Segundo informações repassadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), ele trafegava em uma motocicleta quando acabou se chocando frontalmente com um ônibus da empresa Itapemirim.

Leia na íntegra a nota da Polícia Civil:

No presente expediente, a Delegacia Geral de Polícia Civil vem, por meio da presente nota, manifestar votos de pesar pelo falecimento do Escrivão de Polícia Civil Abelardo José de Oliveira, ocorrido em 11/01/2022.

O EPC Abelardo José estava na Delegacia Regional de Picos.

O Delegado Geral, Luccy Keiko Leal Paraíba, em nome de toda Instituição, deseja conforto aos familiares e amigos nesse momento de dor.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.