GP1

Polícia

Sargento da PM morre após viatura capotar na BR 226 em Timon

As primeiras informações dão conta que o pneu da viatura estourou provocando o capotamento na manhã de hoje (09).

Divulgação/FFP Sargento Antônio Jose Lopes Trindade de Sousa Sargento Antônio Jose Lopes Trindade de Sousa
Alef Leão/GP1 O acidente aconteceu próximo ao povoado Buriti Cortado em Timon O acidente aconteceu próximo ao povoado Buriti Cortado em Timon
Alef Leão/GP1 Dois policiais também ficaram feridos Dois policiais também ficaram feridos
Alef Leão/GP1 O SAMU ainda foi acionado para o caso O SAMU ainda foi acionado para o caso
Alef Leão/GP1 O corpo do sargento foi removido O corpo do sargento foi removido
Alef Leão/GP1 O acidente aconteceu por volta das 11h O acidente aconteceu por volta das 11h
Alef Leão/GP1 Local que o veículo que capotou Local que o veículo que capotou
Alef Leão/GP1 PM no local PM no local
Alef Leão/GP1 Perícia Criminal Perícia Criminal
Alef Leão/GP1 O fato aconteceu na zona rural de Timon O fato aconteceu na zona rural de Timon
Reprodução/WhatsApp Sargento Lopes Sargento Lopes

Uma viatura com policiais do Grupo de Operações Especiais (GOE), da Polícia Militar do Maranhão, capotou por volta das 11h da manhã desta sexta-feira (09) na altura do km 39 da BR 226 próximo ao povoado Buriti Cortado, em Timon. Um sargento identificado como Antônio José Lopes Trindade de Sousa, de 46 anos, morreu ainda no local do acidente e outros dois PMs foram encaminhados para o hospital.

O GP1 apurou que os três policiais estavam se deslocando para dar apoio a outra equipe, que estava realizando uma perseguição a criminosos armados que fugiam em uma caminhonete roubada. A ação estava ocorrendo na zona rural de Timon próximo ao município de Parnarama.

Durante o percurso, o veículo em que os policiais estavam apresentou problema na embreagem e eles tiveram então que retornar para buscar outro carro. Nesse segundo veículo, o pneu teria estourado provocando o capotamento da viatura.

Os outros dois feridos foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que encaminhou os sobreviventes para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT). Eles foram identificados como cabo Anderson e cabo Renato.

A área foi isolada até a chegada dos peritos da Polícia Civil. O corpo do sargento Lopes foi recolhido e encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Timon.

Reforço policial na região

Um helicóptero águia da Polícia Militar do Maranhão, viaturas do Departamento de Investigações sobre Narcóticos (DENARC) e do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Timon, foram encaminhados para o local onde os criminosos em uma caminhonete estavam sendo perseguidos. Na área ocorreu uma intensa troca de tiros entre os PMs e os suspeitos.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.