GP1

Política

Mais dois prefeitos se filiam ao PT do pré-candidato Rafael Fonteles

A solenidade de filiação foi realizada na sede Estadual do partido, no Centro de Teresina.

Lucas Dias/GP1 1 / 15 Evento de filiação de prefeitos ao PT Evento de filiação de prefeitos ao PT
Lucas Dias/GP1 2 / 15 Vice-prefeito de Alegrete, Manoel de Zé Pedro Vice-prefeito de Alegrete, Manoel de Zé Pedro
Lucas Dias/GP1 3 / 15 Prefeito de Floresta do Piauí, Amilton Rodrigues Prefeito de Floresta do Piauí, Amilton Rodrigues
Lucas Dias/GP1 4 / 15 Prefeito de Floresta do Piauí se filia ao PT Prefeito de Floresta do Piauí se filia ao PT
Lucas Dias/GP1 5 / 15 Vice-prefeito de Alegrete Manoel de Zé Pedro se filia ao PT Vice-prefeito de Alegrete Manoel de Zé Pedro se filia ao PT
Lucas Dias/GP1 6 / 15 Prefeito Israel da Mata se filia ao PT Prefeito Israel da Mata se filia ao PT
Lucas Dias/GP1 7 / 15 Prefeitos se filiam ao PT Prefeitos se filiam ao PT
Lucas Dias/GP1 8 / 15 Prefeito Amilton Rodrigues Prefeito Amilton Rodrigues
Lucas Dias/GP1 9 / 15 Vice-prefeito de Floresta do Piauí Inácio Araújo se filia ao PT Vice-prefeito de Floresta do Piauí Inácio Araújo se filia ao PT
Lucas Dias/GP1 10 / 15 Vice-prefeito Inácio Araújo se filia ao PT Vice-prefeito Inácio Araújo se filia ao PT
Lucas Dias/GP1 11 / 15 Gestores municipais se filiam ao PT Gestores municipais se filiam ao PT
Lucas Dias/GP1 12 / 15 Solenidade de filiação ao PT Solenidade de filiação ao PT
Lucas Dias/GP1 13 / 15 Evento de filiação de prefeitos ao Partido dos Trabalhadores Evento de filiação de prefeitos ao Partido dos Trabalhadores
Lucas Dias/GP1 14 / 15 Manoel de Zé Pedro Manoel de Zé Pedro
Lucas Dias/GP1 15 / 15 Vice-prefeito de Alegrete Manoel de Zé Pedro Vice-prefeito de Alegrete Manoel de Zé Pedro

Mais dois prefeitos do Piauí se filiaram nesta quinta-feira (12) ao Partido dos Trabalhadores (PT) para integrar o grupo que vai apoiar as pré-candidaturas de Rafael Fonteles ao Governo do Estado e Wellington Dias ao Senado Federal. A solenidade de filiação foi realizada na sede estadual do partido, no Centro de Teresina.

Se filiaram ao Partido dos Trabalhadores os prefeitos de Campo Alegre do Fidalgo, Israel Odílio da Mata e Floresta do Piauí, Amilton Rodrigues, além do vice-prefeito de Alegrete, Manoel de Zé Pedro e vice-prefeito de Floresta do Piauí, Inácio Araújo.

O pré-candidato a governador do Piauí pelo PT, Rafael Fonteles, comemorou as novas adesões. “São lideranças, prefeitos, prefeitas, vice-prefeitos, vice-prefeitas, vereadores, vereadoras e lideranças comunitárias e que somam a partir da base aliada do time do povo, do time da esperança. Estavam em partidos que resolveram nacionalmente, com o atual desastre que tá na presidência da República e, portanto, querem continuar sintonizados com a sua população dos seus municípios que querem estar junto de Lula, de Wellington, de Rafael e, portanto, fortalecem o nosso grupo e nos anima ainda mais nessa caminhada, que é longa e que, felizmente, já nesse começo está recebendo muitas adesões importantes”, comemorou Fonteles.

O ex-governador Wellington Dias falou sobre a entrada desses novos líderes no partido. “Eu comemoro pela responsabilidade que nós, Partido dos Trabalhadores, temos de receber esses novos líderes e também por aumentar o nosso compromisso de trabalhar porque são líderes que, com certeza, em seus partidos tinham uma relação de confiança com o povo. A filiação desses líderes significa a filiação de outros líderes ligados a eles em cada um dos municípios. Então, eu digo que é muito mais do que um momento eleitoral, eu acho que é algo próprio, não de uma nova mudança que aconteceu na lei eleitoral para o Piauí e para o Brasil”, pontuou Wellington Dias.

O prefeito de Floresta do Piauí, Amilton Rodrigues, que antes era filiado ao PTB, disse que decidiu mudar para o PT por acreditar que o antigo partido se tornou mais alinhado a “extrema direita. “Eu fui filiado ao PTB por toda a minha vida política e com a resolução que o PTB editou, proibindo que qualquer filiado se coligasse com partido de esquerda e se tornando praticamente um partido de direita radical, não tinha outro caminho. O caminho foi realmente sair do PTB e toda vida eu me simpatizei com o PT. Então a convite do ex-governador, do Rafael Fonteles e do deputado Nerinho o caminho foi esse, a gente se filiar ao PT e seguir nosso trabalho”, explicou Amilton Rodrigues.

O prefeito de Campo Alegre do Fidalgo, Israel Odílio da Mata, afirmou que apesar de ter passado toda a vida política filiado ao PTB, sempre votou nos candidatos do PT. “Isso é coisa que acontece na política. Toda vida eu fui PTB, estou no quarto mandato, todos eleitos para o PTB, mas tomei essa decisão de me filiar ao PT. Toda vida fui do PTB, mas sempre votei no PT, eu sempre votei no Lula, Wellington Dias e continuarei votando com todo o prazer. Não podemos perder a oportunidade de eleger um governador aliado do Lula para fazer uma boa administração no Piauí como foi no tempo de Wellington Dias e Lula”, frisou Israel Odílio.

O vice-prefeito de Alegrete, Manoel de Zé Pedro, que antes era do Progressistas, também se filiou ao Partido dos Trabalhadores. “Eu saí do PP e vim para o PT e é uma satisfação o partido estar nos recebendo. Eu saí do Progressistas porque não estava me sentindo bem e nem acolhido. Eles não estavam atendendo as minhas reivindicações. Eu estou feliz por estar vindo para o grupo da vitória, que é o grupo do PT. O motivo de eu estar vindo para o PT é porque o PP deixou muito a desejar. Eu vejo na minha região um crescimento esplêndido no Governo do PT. Rafael Fonteles é um grande nome, um secretário de Fazenda que equilibrou as finanças do Piauí. É por essas qualidades que ele tem que nós estamos vindo para o PT, o grupo da vitória”, ressaltou Manoel de Zé Pedro.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.