Fechar
Colunista Brunno Suênio
GP1

Ministério Público pede extinção da punibilidade de Evaldo Gomes por ter falsificado documento

O pedido foi assinado nessa sexta-feira, 21 de junho de 2024, pelo promotor João Batista de Castro Filho.

O Ministério Público Eleitoral, por meio do promotor João Batista de Castro Filho, pediu a extinção da punibilidade do deputado Evaldo Gomes (Solidariedade) por ter falsificado documentação apresentada na prestação de contas referentes às eleições de 2014, a fim de justificar gastos no valor de R$ 3.395,00 (três mil, trezentos e noventa e cinco reais) no pleito eleitoral daquele ano.

O pedido foi assinado nessa sexta-feira, 21 de junho de 2024.

O deputado estadual Evaldo Gomes foi indiciado em inquérito policial instaurado pela Polícia Federal, no ano de 2020, que a apurou conduta do parlamentar tipificada no art. 350 do Código Eleitoral (omitir, em documento público ou particular, declaração que dele devia constar, ou nele inserir ou fazer inserir declaração falsa ou diversa da que devia ser escrita, para fins eleitorais).

Foto: Alef Leão/GP1Deputado estadual do Piauí, Evaldo Gomes
Deputado estadual, Evaldo Gomes

Por se tratar de delito cometido sem violência ou grave ameaça à pessoa, não sendo caso de arquivamento e tendo o indiciado confessado formal e circunstancialmente a prática de infração penal, o Ministério Público propôs Acordo de Não-Persecução Penal ao deputado, que durante audiência confessou voluntariamente acerca dos fatos, devidamente assistido por sua defesa.


O representante ministerial propôs o pagamento de prestação pecuniária no valor de dois salários-mínimos, totalizando o valor de R$ 2.640,00 (dois mil, seiscentos e quarenta reais), destinado a APIPA - Associação Piauiense de Proteção a Amor aos Animais, e a doação de um aparelho climatizador, com valor aproximado de R$ 8.500,00 (oito mil e quinhentos reais), a ser destinado ao Projeto Judô nas Comunidades, de responsabilidade da Associação Judô Queiroz.

Rapidinhas

Deputado Evaldo Gomes cumpriu acordo proposto

O indiciado, bem como a sua defesa, concordou com a proposta apresentada pelo Ministério Público e informaram a voluntariedade na pactuação. Em razão da concordância do beneficiário e de seu advogado, o juiz eleitoral Litelton Vieira de Oliveira homologou o termo celebrado entre as partes, aplicando ao deputado as condições pactuadas.

Após tomar ciência do total cumprimento dos termos do Acordo de Não-Persecução Penal firmado com o deputado Evaldo Gomes da Silva, o promotor eleitoral João Batista de Castro Filho requereu à Justiça que seja decretada a extinção da punibilidade do investigado, com posterior arquivamento do feito.

Teresa Britto não vai apoiar Fábio Novo para prefeitura de Teresina

Teresa Britto é conhecida por seu posicionamento político forte e determinado. Essa postura vem sendo observada mais uma vez quando o assunto envolve o deputado estadual Fábio Novo (PT). A parlamentar não vai apoiar o petista que concorre a Prefeitura de Teresina e isso tem ficado cada dia mais evidente todas as vezes que ela desconversa ao ser questionada pela imprensa sobre o assunto.

A mais recente declaração, ou a falta dela, ocorreu durante a Caravana Federativa, quando a jornalista Germana Chaves, com larga experiência na cobertura política, questionou se Teresa Brito iria apoiar Fábio Novo e a ex-parlamentar, outra vez, saiu pela tangente: “eu não vou dar essa resposta”.

Foto: Lucas Dias/GP1Teresa Britto
Teresa Britto

Para aqueles que conhecem Teresa, já consideram uma grande vitória, o fato de a ex-deputada ter afirmado que seguirá as diretrizes do PV Nacional. Porém, essa afirmação não abrange o pleito majoritário e se resume, ao fato de que ela dará todo o suporte necessário aos seis pré-candidatos a vereador de seu partido, que vão buscar vagas na Câmara Municipal de Teresina. Além disso, cabe esclarecer que Teresa foi “obrigada” a ser parte desse alinhamento composto pelo PV, PT e PCdoB, devido a federação firmada em 2022.

Pré-candidato Sílvio Mendes deixa evento religioso sem se despedir

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, prestigiou a missa no Parque Piauí nesse fim de semana e foi ovacionado pelos presentes e recebido pelo Padre André. Na mesma ocasião, Sílvio Mendes chegou ao local acompanhado do vereador Paulo Lopes. De cara, não foi citada a presença de Sílvio, o que incomodou o ex-prefeito.

Poucos minutos depois, Mendes foi lembrado, mas já não estava mais, pois saiu sem se despedir dos presentes. As pessoas que estavam no local, observaram a atitude descortês do pré-candidato a prefeito do União Brasil que ficou incomodado e saiu sem pedir a benção para o religioso.

Lula mostra alinhamento com ministro Wellington Dias

Durante rápida passaram ao Piauí, na 10ª edição da Caravana Federativa, que ocorreu na última sexta-feira (21), em Teresina, o presidente Lula dedicou boa parte de seu tempo de discurso para elogiar a atuação do ex-governador e atual ministro do Desenvolvimento, Wellington Dias.

A atitude do líder maior do PT é para os correligionários uma demonstração de que não há insatisfação de Lula com o trabalho que vem sendo desempenhado por Wellington Dias, sobretudo, na condução do assediado Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Presidente Lula
Presidente Lula

PT Nacional aposta alto na eleição de Fábio Novo em Teresina

A visita do presidente Lula a Teresina teve também seu viés político. Ao anunciar investimento estratégicos para o estado do Piauí, Lula deixa um recado. O Partido dos Trabalhadores trabalha para assumir um papel mais forte na atuação dentro dos municípios visando, notadamente, a ampliação do PT nas cidades, sobretudo, nas capitais, a exemplo de Teresina, onde historicamente a sigla não tem bons retrospectos eleitorais.

Foto: Divulgação/ AscomFábio Novo no "Junta Teresina"
Fábio Novo

Para isso, o PT Nacional tem reunido ações estratégicas para fortalecer as ações do partido nos colégios eleitorais importantes. Fábio Novo, que iniciou o período pré-eleitoral atrás de seu principal oponente, já pontua lado a lado com expectativa de crescimento.

Rafael Fonteles tem papel crucial no processo

Contando com a boa avaliação de Rafael Fonteles à frente do Governo que, por sinal, chega a ser maior que de Lula, o PT tenta alinhar a boa resposta que Teresina deu nas urnas a Rafael em 2022, somando-se a capacidade administrativa do governador tem demonstrado, principalmente, em áreas como Segurança Pública e mobilidade, que estão entre as principais demandas da população de Teresina.

*** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do GP1

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.