Fechar
GP1

Mobilidade de tornozelo é fundamental para marcha do idoso

O uso de equipamentos específicos para o fortalecimento dessa região pode ser uma estratégia eficaz.

A mobilidade do tornozelo é fundamental para a marcha do idoso, desempenhando um papel crucial na manutenção da independência e na qualidade de vida. Com o envelhecimento, é comum ocorrer uma redução na amplitude de movimento das articulações, incluindo os tornozelos. Essa limitação pode afetar significativamente a capacidade de caminhar, aumentando o risco de quedas e comprometendo a autonomia.

O tornozelo é essencial para a fase de impulsão durante a caminhada, onde os músculos dorsiflexores e plantarflexores são ativados para permitir o movimento adequado do pé. A dorsiflexão, em particular, é vital para garantir que o pé não arraste durante o ciclo da marcha, prevenindo tropeços e quedas. A redução na mobilidade do tornozelo pode resultar em uma marcha mais lenta, menos estável e mais desgastante, impactando negativamente o equilíbrio e a segurança do idoso.

Foto: DivulgaçãoEquipamento da musculação terapêutica utilizado para melhorar amplitude de tornozelo
Equipamento da musculação terapêutica utilizado para melhorar amplitude de tornozelo

Fortalecer os músculos do tornozelo, especialmente o tibial anterior, pode melhorar a dorsiflexão e, consequentemente, a mobilidade do tornozelo. O uso de equipamentos específicos para o fortalecimento dessa região pode ser uma estratégia eficaz. Exercícios que promovem a flexibilidade e o fortalecimento, aliados a uma rotina de atividades físicas regulares, são essenciais para preservar a mobilidade articular.

Em suma, manter a mobilidade do tornozelo é vital para a marcha do idoso, contribuindo para uma maior segurança, autonomia e qualidade de vida. Investir em exercícios específicos para essa articulação pode fazer a diferença na prevenção de quedas e na manutenção de uma vida ativa e independente na terceira idade.


*** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do GP1

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.