Fechar
GP1

Educação física escolar melhora desempenho cognitivo em crianças e jovens

A educação física escolar contribui para a formação de hábitos saudáveis que podem perdurar.

A prática da educação física escolar exerce um impacto significativo no desenvolvimento cognitivo de crianças e jovens. Diversos estudos têm demonstrado que a atividade física regular, especialmente quando incorporada ao ambiente escolar, não só melhora a saúde física, mas também promove avanços importantes nas funções cognitivas.

Primeiramente, a atividade física aumenta o fluxo sanguíneo e a oxigenação no cérebro, o que pode melhorar a capacidade de concentração e atenção dos alunos. Durante e após a prática de exercícios, há um aumento na liberação de neurotransmissores como a dopamina e a serotonina, que são fundamentais para a regulação do humor, motivação e sensação de bem-estar. Isso pode resultar em um ambiente mais propício para a aprendizagem e um melhor desempenho acadêmico.

Foto: Alef Leão/GP1Professor Demóstenes Ribeiro
Prof. Demóstenes Ribeiro defende mais aulas de Educação Fisica na Rede Municipal

Além disso, a educação física escolar incentiva a prática de habilidades motoras, que estão intimamente ligadas ao desenvolvimento cognitivo. A coordenação, equilíbrio e agilidade desenvolvidos através de atividades físicas contribuem para a formação de conexões neuronais mais robustas, o que pode facilitar o aprendizado de novas informações e habilidades. Crianças e jovens que participam regularmente de aulas de educação física tendem a demonstrar melhor desempenho em tarefas que exigem planejamento, organização e resolução de problemas.

A prática de esportes e atividades físicas também promove a socialização e o trabalho em equipe, habilidades sociais que são essenciais para o desenvolvimento emocional e cognitivo. Ao interagir com colegas durante atividades físicas, os alunos aprendem a lidar com desafios, seguir regras e desenvolver a empatia, habilidades que são transferíveis para o ambiente de sala de aula e para a vida cotidiana.


Finalmente, a educação física escolar contribui para a formação de hábitos saudáveis que podem perdurar ao longo da vida. 

*** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do GP1

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.