Blog Opinião
GP1

Onda de denuncismo


*Júlio César Cardoso
Imagem: Divulgação / GP1Articulista Júlio César Cardoso(Imagem:Divulgação / GP1)Articulista Júlio César Cardoso
O ministro do Trabalho Carlos Lupi afirmou que o Brasil vive uma onda de denuncismo. Não é denuncismo, ou denúncia vazia, senhor ministro, é a podridão incrustada no governo que anda derramando pelas frestas da corrupção política brasileira. Se não fosse a mídia brasileira, prestando um grande serviço de utilidade pública, para mostrar e desmascarar os corruptos de colarinho branco nos ministérios, cujos chefes dilapidam o Erário, de forma direta ou indiretamente por meio de seus apaniguados assessores corruptos, com certeza ninguém ficaria sabendo nada do subterrâneo poluto do governo brasileiro.

Não há denuncismo, mas a comprovação da realidade: são cinco ministros defenestrados pela vassourada da Dilma Rousseff, graças ao trabalho da “indesejada” mídia nacional. Se não houvesse fundamento denunciativo todos ainda estariam em seus cargos. Ou se a batuta presidencial ainda estivesse na mão do Lula, certamente ninguém seria exonerado.

Que o ministro Lupi aguarde, porque será o próximo da vez. E o que impressiona é o ministro Lupi e outros lobos disfarçados em pele de cordeiro se cercarem de assessores devassos, ou são todos farinha do mesmo saco?

*Júlio César Cardoso é bacharel em Direito e servidor federal aposentado

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.