GP1

Deputados se unem para derrotar Flora Izabel na eleição do TCE

O clima de otimismo quanto a vitória de Flora no 1º turno, deu lugar a apreensão de seus apoiadores.

A eleição para conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI), que ocorrerá dia 16 de setembro, está acirradíssima. O clima de otimismo observado há duas semanas acerca de uma possível vitória da deputada estadual Flora Izabel (PT), ainda no primeiro turno, deu lugar a apreensão.

Os deputados Wilson Brandão (Progressistas), Zé Santana (MDB) e Flávio Júnior (PDT), que também concorrem ao pleito, estão firmes no propósito de manter seus nomes e fizeram um acordo que, em um eventual segundo turno, estarão juntos para derrotar Flora, que ainda se mantém com a maior quantidade apoios, sobretudo, por ser a candidata do governador Wellington Dias (PT-PI), chefe da base aliada.

Foto: GP1Wilson Brandão, Zé Santana e Flávio Nogueira Júnior
Wilson Brandão, Zé Santana e Flávio Nogueira Júnior

O acordo entre os três parlamentares é uma reação a entrada do governador na eleição do TCE que deveria caber, única e exclusivamente, a Assembleia definir. Brandão, Santana e Flávio, são da base e alegam que a neutralidade do chefe do Palácio de Karnak seria essencial para evitar ‘rachas’ no grupo, sobretudo, em um ano pré-eleitoral.

Esse desarranjo foi alertado pelo senador Marcelo Castro (MDB) que foi taxativo ao dizer que os sentimentos de mágoa e preterimento poderão ser o saldo no final da escolha do futuro conselheiro do TCE-PI.

PT quer demais

Além de todo esse emaranhado de situações, ainda impera a sensação de que o PT, partido de Flora Izabel, quer abocanhar todos os espaços, sem deixar nada para os aliados. Em um rápido apanhado, o Partido dos Trabalhadores terá dois espaços na chapa majoritária, Governo e Senado e ainda quer emplacar um aliado no Tribunal de Contas. Essa “fome” petista, tem desagradado a grande maioria dos coligados.

Foto: Lucas Dias/GP1Deputada Flora Izabel
Deputada Flora Izabel

Mais seis candidatos

Além dos quatro deputados estaduais, ainda estão na disputa: o advogado Thiago Normando, o contador Roosevelt Figueiredo, o procurador-geral do Município de Teresina, Ricardo Teixeira, o auditor do TCE, José de Jesus Cardoso, o promotor de Justiça, Flávio Teixeira de Abreu Júnior e a advogada Nayara Negreiros.

*** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do GP1

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.