GP1

Ciência e Tecnologia

Motoristas da Uber não precisarão mais usar máscara nos EUA

A decisão ocorreu após os EUA retirar a obrigatoriedade do item de segurança em locais fechados.
Por Estadão Conteúdo

O Uber anunciou nesta terça-feira, 19, que motoristas nos Estados Unidos não são mais obrigados a utilizarem máscaras durante as viagens com o aplicativo. A decisão ocorreu depois que o governo americano retirou a obrigatoriedade do item de segurança em locais fechados a partir desta semana. Medida não será aplicada no Brasil.

Os usuários, porém, que não se sentirem protegidos contra a covid-19 pela permissão, poderão cancelar corridas em que o motorista estiver sem máscara. O Uber não informou se a escolha dos passageiros vai gerar alguma taxa de desistência da viagem.

“Muitas pessoas ainda podem se sentir mais seguras usando uma máscara por causa de situações de saúde pessoal ou familiar, portanto, respeite suas preferências”, afirma a empresa no comunicado.

Apesar de liberar motoristas do uso de máscara, o Uber reforça que o item de segurança ainda é recomendado para evitar o contágio e a transmissão do vírus. O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC, na sigla em inglês) alertou que recebeu a ordem da Suprema Corte e que não vai mais tratar o uso como obrigatório. Ainda assim, o órgão afirma que a máscara é uma barreira sanitária a mais contra a circulação do coronavírus.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.