GP1

Eleições 2022

Wellington Dias bate martelo e PSD ficará com 1ª suplência de senador

A definição ocorreu após reunião na tarde deste sábado (08) com o Georgiano Neto e Júlio César Lima.

O governador Wellington Dias e os líderes do PSD bateram o martelo e o partido vai indicar a primeira suplência de senador da chapa majoritária. A informação foi confirmada por uma fonte do Palácio de Karnak.

A definição ocorreu após reunião na tarde deste sábado (08) com o chefe do executivo estadual, o deputado Georgiano Neto e o presidente do PSD no Piauí, deputado federal Júlio César Lima.

Com isso, a vaga de vice-governador da chapa ficará com o MDB, que já definiu o nome do presidente da Assembleia Legislativa do Piauí, deputado Themístocles Filho, para o espaço em questão.

A post shared by Deputado Júlio César (@deputadojuliocesar)

Formação

Com essa definição, a chapa majoritária do Governo já está montada e terá o secretário de Estado da Fazenda, Rafael Fonteles (PT), como candidato ao Governo, Themístocles Filho como vice e o governador Wellington Dias como futuro candidato ao Senado Federal.

A reunião contou ainda com a presença do secretário e futuro candidato ao Governo, Rafael Fonteles.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.