Eleições 2020

Falha em supercomputador do TSE provou atraso na apuração, diz Barroso

Segundo o ministro, um dos núcleos de processadores do supercomputador que processa a totalização falhou e foi preciso repará-lo.

Por  Estadão Conteúdo

O ministro Luís Barroso disse neste domingo (15) que houve um atraso na totalização dos resultados por “força de um problema técnico”. Segundo o ministro, um dos núcleos de processadores do supercomputador que processa a totalização falhou e foi preciso repará-lo.

O ministro disse que espera ter a explicação técnica melhor consolidada até esta segunda-feira, 16. A falha, no entanto, não altera o resultado das eleições, já que ele é emitido no momento em que a urna imprime o boletim da urna.

O ministro ressaltou também que o problema não foi nos Tribunais Regionais Eleitorais e, sim, no próprio TSE.

Mais conteúdo sobre: