Campinas do Piauí - PI

Ministério Público Federal investiga ex-prefeito Chico de Miguel

A portaria nº 31 foi assinada pela procuradora da República Cecília Vieira de Melo Sá Leitão, no dia 9 de abril deste ano.

WANESSA GOMMES
DE TERESINA
- atualizado

O Ministério Público Federal no Piauí instaurou inquérito civil para investigar denúncia contra o ex-prefeito de Campinas do Piauí, Francisco da Cruz, mais conhecido como Chico de Miguel, que administrou a prefeitura de 2013 a 2016. A portaria nº 31 foi assinada pela procuradora da República Cecília Vieira de Melo Sá Leitão, no dia 9 de abril deste ano.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Chico de Miguel, ex- Prefeito de Campinas do PiauíChico de Miguel, ex- prefeito de Campinas do Piauí

O objetivo é investigar a ausência de prestação de contas quanto ao Programa Brasil Carinhoso, nos exercícios de 2014 e 2016, e quanto ao Programa Brasil Alfabetizado durante o exercício de 2016.

A procuradora determinou envio de ofício ao FNDE para que preste as seguintes informações: Indicação da data em que será disponibilizado o acesso ao SIGPC para fins de prestação de contas e as datas de transferência e os montantes repassados ao Município de Campinas do Piauí, quanto ao Programa Brasil Carinhoso, exercícios de 2014 e 2016, e quanto ao Programa Brasil Alfabetizado, exercício de 2016.

Outro lado

Procurado, na tarde desta quarta-feira (18), o ex-prefeito não foi localizado para comentar a investigação. O GP1 está aberto a esclarecimentos.