Política

Ministro Dias Toffoli é internado com pneumonite alérgica

Presidente do Supremo Tribunal Federal passa bem e deve seguir trabalhando do hospital, segundo informou oficialmente o tribunal.

Por  Estadão Conteúdo

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, foi internado neste domingo, 9, no Hospital DFStar, em Brasília, segundo informou a assessoria de comunicação da Corte. Toffoli foi diagnosticado com pneumonite alérgica, mas passa bem e deve seguir trabalhando, sem ficar de licença médica.

O ministro fez um novo teste para covid-19, que deu resultado negativo. No mês passado, Toffoli foi internado em um hospital de São Paulo após sofrer um acidente doméstico em sua casa em Marília, no interior do Estado. Naquela ocasião, o ministro precisou fazer um exame de raio-X após bater a cabeça e sofrer um pequeno corte.

No sábado, 8, Toffoli decretou luto oficial de três dias na Corte em homenagem aos mais de 100 mil mortos pela covid-19 no Brasil. Em função do luto oficial, o Supremo está impedido de realizar"celebrações, comemorações ou festividades". O presidente do STF divulgou uma mensagem de solidariedade às famílias daqueles que perderam a vida por causa do novo coronavírus.

"Os reflexos e as dores oriundas da pandemia são inúmeros e imensuráveis. Mas a maior de todas as dores é, sem dúvida, a perda de alguém que amamos. Isso é algo que jamais pode ser restituído ou compensado", afirmou Toffoli na mensagem. O ministro deixa o comando do STF no dia 10 de setembro, quando será sucedido pelo ministro Luiz Fux.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Congresso e STF decretam luto oficial após Brasil ultrapassar 100 mil mortos por coronavírus

Tudo o que sabemos sobre:

STF [Supremo Tribunal Federal]Dias ToffoliLuiz Fuxcoronavírus

Mais conteúdo sobre: