Teresina - PI

TJ manda Uespi formar alunos de Enfermagem para combate a covid-19

A decisão foi dada neste sábado, dia 4 de abril. A Uespi tem um prazo de 24 horas para reconhecer a formação dos alunos.

Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

A 2ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública da Comarca de Teresina concedeu o direito de 15 alunos do curso de Enfermagem da Universidade Estadual do Piauí (Uespi) se formarem para ajudar no combate a pandemia do novo coronavírusCovid-19 – no Piauí.

A decisão foi dada neste sábado, dia 4 de abril. A Uespi tem um prazo de 24 horas para reconhecer a formação dos alunos e realizar a colação de grau. Caso não aconteça, a instituição será penalizada com multa de R$ 10 mil.

  • Foto: Helio Alef/GP1Prédio da Universidade Estadual do PiauíPrédio da Universidade Estadual do Piauí

Após serem formados, os estudantes devem receber seus diplomas para que possam realizar os registros no Conselho Regional de Enfermagem (Coren). Os alunos fazem parte do 10º período do curso e concluíram carga horária mínima determinada pelo Ministério da Educação.

Curso de Medicina

No dia 22 de março, 19 alunos do 12º período do curso de Medicina da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) colaram grau na sede da instituição superior de ensino. O ato restrito, ocorreu após a juíza Camerlita Angélica Lacerda Brito de Oliveira, da 2ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública da Comarca de Teresina, conceder direito dos discentes se formarem antes do previsto para inscrição no Programa Mais Médicos devido a pandemia do coronavírus.

A decisão foi dada no dia 20 de março após os estudantes e advogados entrarem na Justiça com uma petição pedindo o direito ao diploma pela instituição.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

UESPI oferece atendimento psicológico online durante pandemia de covid-19

Procuradoria quer suspensão da decisão que mandou Uespi formar médicos

Uespi forma alunos de Medicina para ajudar no combate ao coronavírus

Sobe para 24 número de casos confirmados de coronavírus no Piauí

Brasil tem 486 mortes e 11.131 casos confirmados de coronavírus