Teresina - PI

Vereadora Teresinha Medeiros diz que falta voz de comando no PSL

"Há a necessidade urgente de se alinhar uma conversa, de se aliar para que um fale uma coisa, outro fale outra e no final ninguém sabe quem é que decide", disparou.

Andressa Martins
Teresina
Germana Chaves
Teresina
- atualizado

Após a confusão envolvendo o ex-vereador Elizeu Aguiar durante solenidade de posse dos membros do diretório municipal do PSL, a vereadora Teresinha Medeiros disse que falta uma voz de comando dentro do partido. Em entrevista nesta quinta-feira (18), Teresinha disse que é “inaceitável” o que aconteceu com Elizeu.

A vereadora disse que não concorda com o comportamento da diretoria em fazer a mudança sem comunicar Elizeu e avaliou que “a palavra e os compromissos tem que ser honrados a qualquer custo”. Teresinha também cobrou um alinhamento político para que a sigla lance chapas competitivas nas eleições de 2020.

  • Foto: Helio Alef/GP1Teresinha MedeirosTeresinha Medeiros

“Hoje sou filiada ao PSL, faço parte do PSL, quero continuar, mas há a necessidade urgente de se alinhar uma conversa, de se aliar para que um fale uma coisa, outro fale outra e no final ninguém sabe quem é que decide. Tem a necessidade urgente para que o partido possa trabalhar de fato, ter uma chapa competitiva e ter um candidato competitivo majoritariamente”, afirmou.

Questionada se falta voz de comando na sigla, Teresinha disse que é preciso ter “liderança de fato”. “Eu acredito [que falte uma voz de comando] tanto que acho e vejo que panela que muito se mexe, ou sai insosso ou sai salgado. Em tudo que se faz na vida é preciso alguém ter liderança de fato, infelizmente é uma realidade. Nunca vi se fazer política desse modo”, declarou.

Inaceitável

“É incompreensível, é inaceitável o que aconteceu com o Elizeu e a gente espera que isso seja sanado para que o partido possa realmente se recompor e compor uma chapa competitiva para 2020”, finalizou a vereadora.

NOTÍCIA RELACIONADA

Elizeu Aguiar diz que foi "apunhalado pelas costas" em evento do PSL

Vereador Luís André diz que vai tentar manter Elizeu Aguiar no PSL

Capitão Anderson diz que PSL será oposição a Firmino em 2020

Mais conteúdo sobre: