GP1

Bertolínia - PI

Candidato José Cavalcante Neto e acusado de descumprir decreto

Na noite dessa quinta-feira (29), José Cavalcante Neto, que teve a candidatura indeferida, mas que aguarda decisão de recurso, realizou caminhada pelas ruas do município.

O GP1 recebeu, nesta sexta-feira (30), denúncia contra o candidato a prefeito de Berolínia, José Cavalcante Neto (PT), o acusando de descumprir decreto do prefeito Geraldo Fonseca, que é candidato à reeleição.

O prefeito Geraldo Fonseca proibiu, por meio de decreto, a realização de atos políticos que gerem aglomerações. Na noite dessa quinta-feira (29), José Cavalcante Neto, que teve a candidatura indeferida, mas que aguarda decisão de recurso, realizou caminhada pelas ruas do município.

Em vídeos que circulam nas redes sociais é visível a aglomeração de pessoas, que não estão cumprindo as medidas sanitárias como o distanciamento social, além da utilização de “paredões” de som. Também nas imagens é possível ver o candidato José Cavalcante.

O decreto assinado, nessa quinta-feira (29), diz que todos os partidos políticos e candidatos devem se abster de promover, incentivar, realizar, participar ou permitir que se realizem qualquer ato de campanha que importe em aglomerações, como comícios, carreatas, passeatas, caminhadas, bandeiraços, reuniões, comitês e eventos em geral relacionados.

Clique aqui e confira o decreto

Outro lado

O candidato José Cavalcante não foi localizado pelo GP1.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Juiz indefere pedido de registro de candidatura de José Cavalcante

MPE pede impugnação da candidatura de José Cavalcante em Bertolínia

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.