GP1

Teresina - Piauí

Mais de 60 candidaturas a vereador de Teresina são deferidas pelo TSE

Aluísio Sampaio (PP), Edson Melo (PSDB), Ítalo Barros (PSDB), Joninha (PSDB), Neto do Angelim (PP) e Venâncio (PSDB), que tentam a reeleição, tiveram as candidaturas deferidas.

Dos 689 candidatos que buscam conseguir uma das 29 cadeiras da Câmara Municipal de Teresina, 61 já tiveram suas candidaturas deferidas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), nesta segunda-feira (05).

Clique aqui e confira a lista da candidaturas deferidas

Aluísio Sampaio (PP), Edson Melo (PSDB), Ítalo Barros (PSDB), Joninha (PSDB), Neto do Angelim (PP) e Venâncio (PSDB), que tentam a reeleição, tiveram as candidaturas deferidas. Os outros 20 candidatos ainda aguardam julgamento.

  • Foto: GP1Aluísio Sampaio (PP), Edson Melo (PSDB), Ítalo Barros (PSDB), Joninha (PSDB), Neto do Angelim (PP) e Venâncio (PSDB).Aluísio Sampaio (PP), Edson Melo (PSDB), Ítalo Barros (PSDB), Joninha (PSDB), Neto do Angelim (PP) e Venâncio (PSDB).

O prazo para qualquer candidato, partido político, coligação ou o Ministério Público Eleitoral impugnar os pedidos de registro de candidatos que foram apresentados pelas agremiações partidárias ou coligações terminou nesse domingo (04).

Dia 26 de outubro é o último dia para que todos os pedidos de registro de candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador, inclusive os impugnados e os respectivos recursos, sejam julgados pelas instâncias ordinárias e publicadas as decisões a eles relativas.

Ainda de acordo com o sistema do TSE, uma pessoa renunciou à candidatura. Danielly Medeiros que tentaria uma vaga pelo Solidariedade apresentou pedido desistindo da disputa.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

TSE registra candidaturas de Fábio Abreu, Montezuma e Gervásio Santos

Confira o patrimônio dos vereadores que vão tentar reeleição em Teresina

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.