GP1

Teresina - Piauí

Daniel França diz que deve anunciar destino do PSL ainda neste mês

“Ainda não temos data. Espero decidir até o fim de agosto”, declarou Daniel França à nossa reportagem.

O Partido Social Liberal segue sem anunciar seu destino nas eleições deste ano em Teresina. O GP1 conversou com o dirigente da sigla na Capital, o médico Daniel França e ele adiantou que a previsão é que até o final de agosto, deve ser informado o caminho que o PSL deverá trilhar.

Apesar de estar na base do prefeito Firmino Filho (PSDB), França tem dialogado com pré-candidatos da oposição. Os últimos contatos ocorreram com o ex-deputado Dr. Pessoa (MDB) e com o publicitário Fábio Sérvio (PROS).

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Daniel FrançaDaniel França

“Ainda não temos data. Espero decidir até o fim de agosto”, declarou Daniel França à nossa reportagem. Ele é casado com a deputada federal e vice-líder nacional do PSL, Joice Hasselmann.

Puxão de orelha

França deu um “puxão de orelha” no presidente do PSDB de Teresina, vereador Edson Melo após o parlamentar municipal ter afirmado, em entrevista ao GP1, que o PSL marcharia com o pré-candidato Kleber Montezuma (PSDB), apoiado por Firmino.

“O vereador Edson Melo não tem nenhuma autoridade pra falar sobre o rumo do PSL na eleição majoritária de Teresina. Essa decisão cabe a mim e à Nacional, representada pela minha esposa, deputada federal Joice Hasselmann. Nem o vereador, nem qualquer outro filiado ao PSL fala pelo rumo do partido”, disparou Daniel França.

NOTICIAS RELACIONADAS

Edson Melo não tem autoridade para falar sobre o PSL, diz Daniel França

Edson Melo diz que Republicanos e PSL permanecem apoiando Montezuma

Firmino Filho e Joice Hasselmann vão debater destino do PSL em Teresina

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.