GP1

Piauí

Marcada audiência de acusada de atear fogo no marido em Teresina

A ré é acusada de atear fogo no corpo do marido, após o sumiço de um par de brincos no apartamento onde morava com marido, localizado na zona leste de Teresina.

A 1ª Vara do Tribunal Popular do Júri de Teresina marcou a audiência de instrução e julgamento de Danielly Oliveira Eleotério Martins para o dia 1º de fevereiro deste ano. A ré é acusada de atear fogo no marido após o sumiço de um par de brincos no apartamento do casal, no bairro Santa Lia, em junho de 2019. A vítima teve cerca de 40% do corpo queimado.

Nesse procedimento serão ouvidas as testemunhas do crime, a acusada e a vítima. Após a audiência será definido se a acusada será pronunciada a ser julgada pelo Tribunal Popular do Júri.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Sede do Tribunal de Justiça do Piauí
Sede do Tribunal de Justiça do Piauí

Entenda o caso

Danielly Oliveira Eleotério Martins foi presa no dia 20 de junho de 2019, acusada de atear fogo no corpo do marido, após o sumiço de um par de brincos no apartamento do casal, no bairro Santa Lia, localizado na zona leste de Teresina.

Os policiais chegaram ao local, e encontraram a mulher sentada na escada do prédio onde mora o casal. A vítima foi internada no hospital com queimaduras de 2° grau envolvendo cerca de 40% do corpo. O homem relatou que sua esposa praticou o delito porque sumiu um par de brincos, tendo a suspeita entrado em surto.

Uma testemunha relatou que ouviu um barulho estranho de explosão e resolveu subir as escadas para ver o que havia acontecido. Neste mesmo momento ouviu gritos e, de forma súbita, deparou-se com um homem que estava descendo de forma desesperada as escadas e com o corpo em chamas pedindo por socorro.

A mulher então foi capturada e teve sua prisão convertida em preventiva no dia 21 de junho.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Acusada de atear fogo no marido em Teresina vira ré na Justiça

Mulher é presa acusada de atear fogo no marido em Teresina

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.