GP1

Nazária - Piauí

Acusado de matar padrasto a pauladas é preso em Nazária

De acordo com a Polícia Civil, após o crime o suspeito se escondeu em uma casa, onde foi encontrado hoje.

A Polícia Civil do Piauí prendeu no final da manhã desta sexta-feira (04) um homem de iniciais M. P. dos S. de 35 anos, acusado de matar o padrasto a pauladas nessa quinta-feira (03), no município de Nazária, distante 35 km de Teresina.

De acordo com a Polícia Civil, logo após o crime os investigadores iniciaram as diligências na tentativa de localizar o suspeito e na manhã de hoje, os policiais receberam informações de que ele estaria escondido em uma residência, onde acabaram o encontrando. Os levantamentos realizados pela Polícia Civil dão conta de que ele dormiu no mesmo local onde foi localizado nesta manhã.

Foto: Divulgação/PC-PIAcusado de matar o padrasto a pauladas em Nazária
Acusado de matar o padrasto a pauladas em Nazária

Entenda o caso

Um homem identificado como Antônio Pereira da Silva, de 59 anos, foi morto a pauladas nessa quinta-feira (03) no povoado Passagem Santo Antônio, localizado na zona rural do município de Nazária. De acordo com a Polícia Civil, o principal acusado do crime é o enteado da vítima, identificado como M. P. dos S., de 35 anos.

Foto: Reprodução/WhatsAppObjeto utilizado no crime
Objeto utilizado no crime

Por volta de 15h30, os populares da localidade notaram uma movimentação estranha na residência onde estavam a vítima e acusado e resolveram acionar o Grupamento de Polícia Militar de Nazária (GPM), que ao chegar ao local constatou o homicídio.

Contra o acusado, já havia um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) produzido pela vítima, em razão de agressões ocorridas anteriormente. Depois de cometer o crime, o enteado, que é usuário de drogas, empreendeu fuga em direção ao Rio Parnaíba no sentido estado do Maranhão.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.