GP1

Jaicós - Piauí

Corpo do vereador João Messias é sepultado em Jaicós

João Messias da Silva foi assassinado a facadas no último domingo (31), em Matão, no estado de São Paulo.

O corpo do vereador João Messias da Silva (PSD), mais conhecido como Messias Porteiras, foi sepultado no início da tarde desta sexta-feira (05), no cemitério da localidade Tanque dos Batistas, na zona rural da cidade de Jaicós.

Segundo a assessoria de comunicação da Prefeitura de Jaicós, o corpo de Messias Porteiras chegou ao Aeroporto Petrônio Portela, em Teresina, por volta de 3h desta sexta-feira (05) e logo depois foi encaminhado para o município de Jaicós, onde chegou por volta de 8h40.

Foto: Reprodução/WhatsAppVereador de Jaicós que foi assassinado em São Paulo
Vereador de Jaicós que foi assassinado em São Paulo

Em seguida, foi realizada sessão solene em homenagem ao vereador na Câmara Municipal de Jaicós e depois o corpo se dirigiu ao local onde foi sepultado.

O assassinato

João Messias da Silva foi assassinado a facadas no último domingo (31), em Matão (SP) por causa de uma dívida de jogo, segundo a Polícia Civil de São Paulo.

Segundo informações repassadas pela Polícia Civil ao G1 SP, o suspeito confessou o crime e a motivação. Ele teria se desentendido com Messias Porteira, por causa dessa dívida e jogo, e os dois entraram em luta corporal. Durante a briga o vereador acabou sendo esfaqueado no pescoço, foi socorrido e encaminhado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade hospitalar.

Já o acusado, que também ficou ferido, foi preso e encaminhado para a Cadeia de Santa Ernestina, onde está à disposição da Justiça.

Vereador mais votado de Jaicós

João Messias da Costa tinha 34 anos e era natural de Jaicós. Ele foi o quinto vereador mais votado nas eleições de 2020, recebendo 526 votos. De acordo com a declaração de bens prestada na eleição de 2020, João Messias era proprietário de um prédio residencial no Jardim do Bosque, em Matão.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.