GP1

Piauí

Governo do Piauí lamenta morte do irmão do senador Marcelo Castro

O médico Flávio Castro morreu afogado no sitio de sua família na cidade de Palmeirais.

O Governo do Estado do Piauí emitiu nota de pesar na tarde deste domingo (9), pela morte do irmão do senador Marcelo Castro, o médico Flávio Castro.

O médico morreu afogado no sitio de sua família na cidade de Palmeirais. Flávio Castro morava em São Luís, no Maranhão. “É com profundo pesar que o Governo do Estado do Piauí lamenta a morte do médico radiologista Flávio Castro, irmão do senador Marcelo Castro. O médico exercia a medicina em São Luís, no Maranhão, onde morava”, diz trecho da Governo do Piauí.

Leia a nota na íntegra

É com profundo pesar que o Governo do Estado do Piauí lamenta a morte do médico radiologista Flávio Castro, irmão do senador Marcelo Castro.

O médico exercia a medicina em São Luís, no Maranhão, onde morava. Neste momento difícil, o Governo do Piauí se solidariza com a família pela perca repentina de um profissional comprometido com a saúde. Que Deus possa confortar a família e amigos.

Entenda o caso

O irmão do senador Marcelo Castro (MDB), o médico Flávio Castro, de 61 anos, morreu afogado na madrugada deste domingo (09), nas águas do Rio Parnaíba, no município de Palmeirais. A informação foi confirmada ao GP1 pelo ex-deputado estadual Roncalli Paulo.

O médico estava desaparecido desde a madrugada de hoje quando saiu para pescar no sítio da família, que fica a cerca de 20 km de Teresina. Ele residia em São Luís, no Maranhão, e havia passado o dia no local com um dos irmãos.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.