GP1

Política

Marden Menezes diz que janela partidária não prejudicou o PSDB

Para o parlamentar, o partido conseguiu se fortalecer com a janela partidária, conseguindo novas filiações.

A janela partidária permitiu que os partidos conseguissem algumas filiações, mas também fez com que as legendas perdessem alguns membros. O deputado Marden Menezes (PSDB) afirmou que a saída do então presidente estadual do partido, Firmino Paulo, preocupou a legenda sobre como isso afetaria na atuação na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), mas com a recente filiação de Edson Ferreira a agremiação conseguiu continuar com três deputados estaduais.

Para o parlamentar, o partido conseguiu se fortalecer com a janela partidária, conseguindo novas filiações. “Ficamos muito felizes. Conseguimos quadros importantes. Temos a médica Lúcia, que pré-candidata a deputada federal, que fez um grande trabalho no sindicato, pessoa totalmente capacitada. Recebemos o Ribamar Coelho, que é advogado e militante, pré-candidato a deputado federal na região de Campo Maior. Também temos o presidente da Fiepi, o Zé Filho, que já foi governador e é pré-candidato a deputado estadual. Acolhemos o deputado Edson Ferreira, que é atuante e tem mandato, que recompõe a nossa bancada de três deputados, o que nos da uma segurança em relação à participação nas comissões e atuação parlamentar em si aqui na Assembleia”, destacou.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Marden MenezesMarden Menezes

Ele disse que de modo geral, os partidos de oposição conseguiram filiações importantes e que vão ajudar no pleito eleitoral deste ano. O parlamentar destacou que o diálogo entre os partidos continua.

“O mais importante é que as oposições em um contexto geral, se fortaleceram bastante, ouve uma procura de muitos pré-candidatos por partidos que hoje estão na oposição e isso nos deixa confiantes que a nossa vontade, o nosso sentimento e intenção de mudar os rumos do Piauí, vão se concretizar. As oposições cedo ou tarde, seja no primeiro ou no segundo turno, estarão juntas. Tem muitos diálogos abertos, muito entendimento a ser construído”, finalizou.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.