GP1

Política

Sílvio Mendes e Francisco Gerardo se filiam ao PSDB

Sílvio retorna ao ninho tucano e apesar de não assumir, é colocado como uma alternativa para 2022.

Na manhã desta quinta-feira (27) os ex-prefeitos de Teresina Sílvio Mendes e Francisco Gerardo se filiaram ao PSDB. O presidente estadual da sigla, ex-deputado Luciano Nunes, o deputado Marden Menezes e o vereador Edson Melo estiveram presente durante as filiações, que aconteceram nas residências dos ex-prefeitos.

Em entrevista à imprensa, o deputado Marden Menezes afirmou que os ex-gestores são dois homens públicos respeitados no estado do Piauí e destacou que o retorno chega em uma época importante de restruturação da sigla.

Foto: Divulgação/AscomFiliação de Sílvio Mendes
Filiação de Sílvio Mendes

“É um momento de muita satisfação o retorno dos ex-prefeitos, Silvio Mendes e Chico Gerardo, aos quadros do PSDB. São dois homens públicos com uma moral e respeitabilidade muito grande no Piauí, e que voltam ao partido nesse momento importante de restruturação do partido, e que sem dúvida alguma irão estimular, incentivar e abrir caminho para o PSDB nos próximos anos”, declarou.

Foto: Divulgação/AscomEdson Melo, Luciano Nunes, Francisco Gerardo e Marden Menezes
Edson Melo, Luciano Nunes, Francisco Gerardo e Marden Menezes

Filiação

O ex-prefeito Sílvio Mendes estava filiado ao Progressistas de Ciro Nogueira, mas deixou a sigla em 2018 para apoiar Luciano Nunes ao Governo do Estado. Sílvio retorna ao ninho tucano e apesar de não assumir, é colocado como uma alternativa para as eleições de 2022. Mendes é tido como uma das maiores lideranças do partido na capital.

Foto: Divulgação/AscomEdson Melo, Luciano Nunes, Sílvio Mendes e Marden Menezes
Edson Melo, Luciano Nunes, Sílvio Mendes e Marden Menezes

“Se depois de várias discussões, definições da população, do partido, da família, a disposição de tempo e dedicação plena a uma atividade política, se tudo isso convergir e tiver consenso, naturalmente facilita uma decisão de futuro. Nesse momento estamos apenas no período de reflexão, de olhar para frente e torcer por Teresina”, destacou Sílvio Mendes.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.