GP1

Política

Wilson Martins diz que está com Wellington Dias para "o que der e vier"

O ex-governador estacou que o retorno para a base foi com o aval da Nacional do PSB.

Durante entrevista ao GP1 na manhã desta terça-feira (4) o ex-governador Wilson Martins afirmou que o PSB está à disposição do governador Wellington Dias (PT) para disputa majoritária nas eleições de 2022. Wilson disse que o seu retorno para a base aliada do petista será para “o que der e vier”.

“É para o que der e vier, para o que for preciso. Não tem meia palavra, meia proposta. É para ir mesmo com o projeto de vencer a eleições para governador, senador e fazer a maioria dos deputados federais e da Assembleia Legislativa. O partido vai estar à disposição de toda a base, de todo o conjunto que forma esse time de apoio ao governador Wellington”, afirmou Wilson Martins.

Foto: Lucas Dias/GP1Wilson Martins
Wilson Martins

O ex-governador destacou que o retorno para a base não foi somente um entendimento de pessoas e sim de projeto político com aval de todos os partidos que compõem o governo de Wellington e da Nacional do PSB e PT.

Não pretende, mas não descarta

Embora tenha dito que não pretende disputar uma vaga na chapa majoritária do Governo, Wilson relembrou que em 2010, quando foi candidato a vice de Wellington, também não estava brigando pela vaga.

“Se precisar vamos avaliar. Não vamos disputar, não colocamos o nome. Mas em 2010 não colocamos o nome e nem estávamos disputando. Nosso projeto era disputar uma vaga ou na Câmara Federal ou na Assembleia Legislativa e teve uma confusão, o MDB não aprovou a coligação e terminou eu sendo o vice sem eu estar disputando, brigando por ela. São coisas da política”, finalizou.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.