GP1

Política

Wellington Dias entrega ambulância para o Corpo de Bombeiros

A ambulância é resultado de uma emenda parlamentar do deputado Gessivaldo Isaias (Republicanos).

O governador Wellington Dias (PT) entregou nesta terça-feira (14) uma ambulância para o Corpo de Bombeiros do Piauí. A ambulância é resultado de uma emenda parlamentar do deputado estadual Gessivaldo Isaías (Republicanos).

“Estamos entregando mais equipamentos que são importantes e necessários para os bombeiros. Isso para atuar em situações de emergência como acidentes, em situações de incêndios em que há risco de queimadas, de residências. Às vezes as pessoas sofrem acidentes e situações de enchentes. O objetivo é garantir os bombeiros cada vez melhor equipados para atuar em todas as regiões”, afirmou o governador Wellington Dias.

Foto: Lucas Dias/GP1Governador Wellington Dias
Governador Wellington Dias

O deputado Gessivaldo Isaías explicou que teve a iniciativa após uma conversa com o comandante do Corpo de Bombeiros. O parlamentar prometeu quatro ambulâncias para a corporação, sendo uma por ano durante seu mandato.

“Eu vim na corporação e conversei com o comandante sobre como eu poderia ajudar a população piauiense e ele me falou sobre esse déficit em relação às ambulâncias. Tem certas ocorrências que o carro do Corpo de Bombeiros vai, mas precisa que o Samu esteja lá. Se eles saírem simultaneamente, vai prestar socorro às vítimas com mais rapidez”, afirmou.

Foto: Lucas Dias/GP1Gessivaldo Isaias
Gessivaldo Isaías

350 mil reais

A unidade integrará o sistema de resgate do Corpo de Bombeiros Militar do Piauí, e é equipada com materiais para o resgate de feridos em acidentes, custou 350 mil reais. Trata-se de um veículo de resgate modelo ambulância tipo C, utilizado para operação de resgate e transporte de vítimas acidentadas.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.