Colunista Herbert Sousa
GP1

Irmã do prefeito eleito Edilson Capote debocha da Polícia Federal


A irmã do prefeito eleito Edilson Capote, Ivanilda Sérvulo, debochou da Polícia Federal nesta quarta-feira (25) após ser alvo da operação "Democracia Pescada", sob acusação de corrupção eleitoral no pleito deste ano no município de Barras.

A PF visitou a casa de Ivanilda Sérvulo na manhã de hoje, onde cumpriu mandado de busca e apreensão determinada pela Justiça. Ivanilda, ao tomar conhecimento da “visita”, esnobou da operação em uma publicação no Facebook, postando uma série de fotos na praia e afirmando: “Preocupação zero com PF, a taca de bambu com unha de gato t doendo kkkk [sic]”.

  • Foto: Reprodução/Facebook Publicação de Ivanilda SérvuloPublicação de Ivanilda Sérvulo

Além de Ivanilda Sérvulo, Edilson Capote e seu irmão Wilson Sérvulo também foram alvos da Polícia Federal.

A operação apura denúncia de corrupção eleitoral contra o grupo político liderado por Edilson Capote, acusado de comprar apoio de pré-candidatos e lideranças políticas na cidade de Barras nas eleições deste ano.

Apesar da gravidade das acusações que pesam contra a família, Ivanilda Sérvulo não está nem aí para a Polícia Federal...

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Prefeito eleito Edilson Capote é alvo de operação da PF em Barras

Edilson Capote diz que foi surpreendido com operação da Polícia Federal

PF cumpre mandado na casa do irmão de Edilson Capote em Brasília

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.