Bolsonaro cuidado com o impeachment: pare de fuxicar e vá trabalhar!

- atualizado

Jair Bolsonaro (PSL) ainda não assimilou o que realmente faz o presidente da República. Na noite de quarta-feira (27) ele se prestou ao papel de desmentir um comentário da jornalista Eliane Cantanhêde que dava conta de uma possível demissão de Vélez Rodriguez, ministro da Educação.

Como de costume, Bolsonaro usou o Twitter para se pronunciar. Na publicação, demonstrou que está com medo de sofrer impeachment ao escrever que querem “criar uma ação definitiva contra meu mandato”.

E o presidente tem motivos de sobra para ter medo de sofrer impeachment, afinal não está fazendo o dever de casa. Até Gleisi Hoffmann, presidente do PT, por medo de que o general Hamilton Mourão assuma o poder, já saiu em sua defesa.

Presidente, saia do Twitter, acabe com fuxico e vá colher votos para aprovar a Reforma da Previdência. Aqui ninguém tem mais paciência para briga de comadres.

Voltar para a home

Todo conteúdo, imagem e/ou opiniões constantes aqui neste espaço são de responsabilidade civil e penal exclusiva do colunista. O material aqui divulgado não mantém qualquer relação com a opinião editorial do GP1.

Sobre o autor

Herbert Sousa é jornalista. Contato: (86) 9 8806-8907 / (86) 9 9436-9811