GP1

Economia e Negócios

Suparc e Grãos Piauí vão assinar concessão da Transcerrados dia 18

Assim que o contrato for assinado, a empresa irá dar início as obras na rodovia dentro de 30 dias.

A Superintendência de Parcerias e Concessões (Suparc) comunicou nesta terça-feira (12) que será assinado o termo de transferência que oficializa a transferência da Transcerrados, no dia 18 de outubro, para a empresa Grãos do Piauí, que ficará responsável pela rodovia e em 30 dias, irá dar início às obras no local.

De acordo com a Suparc, na próxima semana, serão realizados alguns encontros com os prefeitos dos municípios atendidos pela Transcerrados, além de produtores da região, para tratar do plano de ação da concessionária, detalhando obras, impactos, benefícios, investimentos e serviços.

Foto: Divulgação/Governo do PiauíRodovia Transcerrados
Rodovia Transcerrados

A Transcerrados compreende as rodovias PI 397 e PI 262, conhecida como estrada da Palestina e corta 25 municípios piauienses. A concessionária é responsável pelos serviços públicos de implantação, recuperação e manutenção nos 276,8 km da estrada.

Ainda conforme a Suparc, o contrato de concessão é de 30 anos e a previsão é de investimentos superiores a R$ 800 milhões. A rodovia se destaca como rota de escoamento dos grãos produzidos no Matopiba, território que reúne os cerrados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia.

A PPP inclui serviços como pontos de internet, ambulância, guincho, ponto de apoio para caminhoneiros com banheiros e dormitórios, além de oportunidades de receitas acessórias como restaurantes, oficinas e postos de gasolina ao longo da rodovia.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.