GP1

Eleições 2022

Georgiano Neto reage a críticas de Fábio Novo: “nunca fizemos chantagem”

Em entrevista ao GP1, Fábio Novo havia declarado que não se faz política com “ameaça e chantagem”.

O deputado estadual Georgiano Neto (PSD) rebateu as críticas do também deputado Fábio Novo (PT) durante entrevista à imprensa nesta quinta-feira (11). Georgiano disse que ficou surpreso com a fala de Fábio Novo e destacou que ele e o pai, deputado federal Júlio César, nunca fizeram chantagem.

“Recebi com muita surpresa essas declarações dele. É um homem muito correto, muito sério, mas acho que ele pode estar desatualizado visando as tratativas do próximo ano. Sempre respeitamos o governador, tivemos um respeito e atenção muito grande”, declarou Georgiano.

Foto: Alef Leão/GP1Deputado Georgiano Neto
Deputado Georgiano Neto

“Temos agido de maneira correta há 7 anos, desde 2015, quando iniciamos essa parceria política e administrativa com o governador. Nunca fizemos chantagens, agora o que estamos reivindicando é justo até pelos resultados que o PSD teve nas eleições de 2018 e de 2020”, continuou o deputado.

Fábio Novo

Em entrevista ao GP1, Fábio Novo disse que não se faz política com “ameaça e chantagem” e destacou que a chapa PT e MDB está bastante consolidada para a disputa de 2022. Georgiano, no entanto, disse que a decisão não compete a Fábio Novo.

“É uma definição que não passa por ele, cabe ao governador, que é o comandante desse processo e do próprio pré-candidato que é o Rafael Fonteles e vamos dialogar com as pessoas que são determinantes nesse momento”, finalizou o deputado estadual.

“Ninguém faz política com ameaça e chantagem, a gente faz política com diálogo. O deputado Júlio César e o PSD são bem tratados no nosso governo, queremos continuar tratando eles bem, agora, política não se faz com esse tom. Eu não vi a entrevista do Júlio César, se foi nesse tom, acho que não foi legal”, declarou Fábio Novo.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.