GP1

Esportes

Palmeiras conta com volta da torcida para reagir no Brasileirão

Com público no Allianz Parque, time de Abel Ferreira tenta encerrar sequência negativa no torneio.
Por Estadão Conteúdo

Desfalcado de oito jogadores, em má fase e há três jogos sem vencer no Brasileirão, o Palmeiras terá o retorno de seus torcedores para reagir no campeonato. Com apenas 26,6% de aproveitamento nas últimas dez partidas, o time de Abel Ferreira precisa da vitória diante do Red Bull Bragantino neste sábado, às 21 horas, pela 25ª rodada, para se manter no G-4. E o torcedor, de volta ao Allianz Parque, é um trunfo para isso.

O Allianz Parque poderá contar com até 30% de sua capacidade, isto é, até cerca de 13,5 mil torcedores. Por autorização do governo do Estado, o percentual passará para 50% a partir do dia 16 deste mês e 100% depois de 1º de novembro. Quem for ao estádio tem de apresentar comprovante de vacinação, usar máscara e respeitar o distanciamento. Quem recebeu apenas a primeira dose poderá ir à partida desde apresenta um teste negativo de covid-19, PCR ou antígeno.

O último duelo com público no Allianz Parque foi no dia 10 de março de 2020, contra o Guaraní-PAR, pela fase de grupos da Libertadores. Na ocasião, o time então treinado por Vanderlei Luxemburgo ganhou por 3 a 1.

O Palmeiras perdeu a vice-liderança para o Flamengo ao levar a virada do América-MG na rodada passada e caiu para o terceiro lugar, com 39 pontos. Tem de voltar a vencer para não sair da zona nobre da tabela e ver o líder Atlético-MG aumentar ainda mais a sua vantagem na ponta. Os resultados são ruins e as atuações também. O time tem sido desligado, perde muitos gols na frente e a defesa não é mais segura.

Para piorar, Abel Ferreira, que recentemente teve jogos com todo o elenco à disposição, não contará com ao menos oito atletas. Pode ficar até sem um time inteiro.

São oito baixas confirmadas. Weverton, Gómez e Piquerez estão defendendo Brasil, Paraguai e Uruguai, respectivamente, nas Eliminatórias. Gabriel Menino e Felipe Melo receberam o terceiro amarelo contra o América-MG e estão suspensos, e Marcos Rocha e Mayke estão machucados. Victor Luis está em transição física após machucar a coxa direita.

Zé Rafael e Danilo desfalcaram a equipe contra o América e são dúvidas. É improvável que joguem. Na direita, sem seus três laterais, Abel terá de colocar o jovem Garcia ou improvisar um zagueiro no setor. Willian, por outro lado, reforça a equipe depois de um drama familiar. Ele perdeu o filho durante a gestação de sua mulher.

O Red Bull Bragantino joga no Allianz Parque com a tarefa de reaver o quinto lugar, perdido para o Corinthians na última rodada. O time do técnico Maurício Barbieri, o mais longevo do futebol brasileiro, soma 35 pontos e caiu para a sexta posição.

O time de Bragança Paulista deve ter contra o Palmeiras a mesma escalação que foi titular diante do Flamengo. Se houver uma mudança, é provável que seja na zaga, com a saída de Léo Ortiz para a entrada de Natan. Ortiz trata dores na coxa. Elas diminuíram, mas não é certo que o capitão do time tenha condições de jogo.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS X RED BULL BRAGANTINO

PALMEIRAS - Jailson; Garcia (Kuscevic), Luan, Renan e Jorge; Patrick de Paula, Danilo Barbosa, Gustavo Scarpa (Wesley) e Raphael Veiga; Dudu e Rony. Técnico: Abel Ferreira.

RED BULL BRAGANTINO - Cleiton; Aderlan, Fabrício Bruno, Léo Ortiz (Natan) e Luan Cândido; Jadsom, Eric Ramires e Praxedes; Artur, Cuello e Ytalo. Técnico: Maurício Barbieri.

ÁRBITRO - Rafael Traci (FIFA/SC)

HORÁRIO - 21h

LOCAL - Allianz Parque

NA TV - Premiere.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.