Fechar
GP1

Esportes

Torcedores do Valencia são condenados por atos racistas contra Vini Jr

Três torcedores foram condenados a oito meses de prisão pela Justiça da Espanha nesta segunda (10).

Três torcedores do Valencia foram condenados a oito meses de prisão por conta de insultos racistas ao atacante Vinicius Jr, durante um jogo contra o Real Madrid. A sentença foi proferida nesta segunda-feira (10) pela Justiça da Espanha.

Além da prisão, o trio não poderá ir a estádios em solo espanhol por dois anos. Os três foram enquadrados no artigo do Código Penal que fala sobre “crime contra a integridade moral”, com agravante de “discriminação por motivos racistas”.

Em nota, a La Liga relatou que antes da condenação, o trio leu uma carta com pedidos de desculpas à Vinicius Jr e ao Real Madrid. “Vale lembrar que o clube local, o Valencia FC, colaborou desde o primeiro momento na identificação dos acusados e procedeu imediatamente à sua expulsão como sócios do clube”, informou.


O caso ocorreu no dia 21 de maio de 2023, quando torcedores do time da casa chamaram Vinicius Jr de “mono”, “macaco” em espanhol. Revoltado, o atacante apontou alguns dos culpados e ainda foi expulso momentos depois, demonstrando choque com todo o incidente.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.