Teresina - PI

Acusado de matar Lorrany Thalya a facadas será julgado nesta terça

Ele será julgado às 8h, durante a 4ª Reunião Periódica do 2º Tribunal Popular do Júri da Comarca de Teresina, no Plenário do Fórum Cível e Criminal Desembargador Joaquim de Sousa Neto, 5º andar.

Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

Vai ocorrer nesta terça-feira (17) às 8h, a sessão de julgamento de Antuniel Alves de Sousa, acusado de assassinar brutalmente a facadas, sua companheira Lorrany Thalya dos Santos Costa, dentro de um apartamento na noite de 3 de maio de 2019, no Residencial Torquato Neto, zona sul de Teresina.

Ele será julgado durante a 4ª Reunião Periódica do 2º Tribunal Popular do Júri da Comarca de Teresina, no Plenário do Fórum Cível e Criminal Desembargador Joaquim de Sousa Neto, 5º andar. O promotor é Márcio Antônio Monteiro Nobre.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Antuniel Alves de Sousa durante audiênciaAntuniel Alves de Sousa durante audiência

Relembre o caso

Lorrany Thalya, 22 anos, foi assassinada com várias facadas pelo companheiro Antuniel Alves de Sousa, de 24 anos, na noite de 3 de maio de 2019, dentro de um apartamento no Residencial Torquato Neto IV, na zona sul de Teresina. A vítima foi golpeada em várias regiões do corpo e o acusado foi preso horas depois do crime.

No dia 11 de junho, a juíza Maria Zilnar Coutinho Leal recebeu denúncia do Ministério Público do Estado do Piauí contra o acusado que se tornou réu pelo crime de feminicídio.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Acusado de matar companheira no Torquato Neto vira réu na Justiça

Corpo de jovem morta no Torquato Neto é velado em Nazária

Jovem de 22 anos é morta a facadas pelo companheiro no Torquato Neto