Coronavírus no Piauí

Covid-19: Margarete Coelho relata indisposição e dores musculares

A deputada federal está no sexto dia da doença. Sem sintomas mais graves, a progressista confessa que não está sendo fácil passar pela doença.

Andressa Martins
Teresina
- atualizado

A deputada federal Margarete Coelho (Progressistas) usou as redes sociais para falar sobre os sintomas que vem sentindo desde que foi diagnosticada com o novo coronavírus (covid-19). Margarete está no sexto dia da doença e confessa estar se sentindo totalmente indisposta e com fortes dores musculares.

“Hoje completo o sexto dia de sintomas do Covid. Estou em casa, isolada, medicada, sem sintomas graves, graças a Deus! Mas mesmo assim a mialgia, dor de garganta, de ouvido, nariz entupido, totalmente indisposta... não é fácil, não! Continuo rezando para fechar bem esse ciclo”, escreveu a deputada no Twitter.

Bolsonaro em São Raimundo Nonato

Margarete foi diagnosticada com o novo coronavírus antes da vinda do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ao município de São Raimundo Nonato, onde a irmã da deputada, Carmelita Castro (Progressistas) é prefeita. Por conta da doença Margarete não pode comparecer ao evento que recepcionou o presidente.

Na ocasião Bolsonaro foi recepcionado pelo senador Ciro Nogueira e prefeitos da região. O presidente aproveitou a oportunidade para visitar o Parque da Serra da Capivara, o Museu da Natureza e o Museu do Homem Americano.

NOTÍCIA RELACIONADA

Deputada Margarete Coelho é diagnosticada com o novo coronavírus