Brasil

Diário Oficial da União divulga o cronograma do SiSU 2018.2

Os interessados deverão realizar as inscrições exclusivamente pela internet, entre os dias 12 e 15 de Junho. 

Por  Estadão Conteúdo
- atualizado

O MEC (Ministério da Educação) divulgou nesta terça-feira (5 de Junho), no Diário Oficial da União, o Edital com todas as informações e regras da segunda edição do SiSU 2018 (Sistema de Seleção Unificada). Os interessados deverão realizar as inscrições exclusivamente pela internet, entre os dias 12 e 15 de Junho.

  • Foto: Reprodução/SisuSisu 2018.2Sisu 2018.2


A previsão é de que os resultados com as chamadas de todos os aprovados sejam publicados a partir do dia 18 de Junho no site do programa. O Ministério da Educação ainda não revelou o número de vagas que serão ofertadas nesta edição do SiSU.

Requisitos para concorrer a uma vaga

Para solicitar aprovação em uma das vagas é preciso, necessariamente, ter realizado o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) em 2017 e não ter tirado nota zero na redação. Lembrando que notas de outras edições do exame não serão consideradas. O estudante também terá que acessar o site do SISU, no período das inscrições, e informar o número de inscrição e a senha do Enem 2017, além de escolher, por ordem de preferência, até duas opções das possibilidades ofertadas pelas faculdades e universidades participantes do programa.

Como funcionam os pesos e a nota mínima

Durante os dias em que ocorrerão as inscrições, o sistema deverá calcular, uma vez ao dia, a nota de corte para cada curso, de acordo com o número de vagas disponíveis e as notas dos candidatos já inscritos. Os candidatos, por sua vez, contam com a possibilidade de modificar a opção de curso quantas vezes quiserem, durante esse período. É importante lembrar que o SiSU considerará somente a última inscrição concluída.

É notável citar que algumas instituições participantes do programa adotam pesos diferenciados na hora de considerar o Enem. Esta informação se manterá disponível aos candidatos no momento da inscrição. Assim que o candidato se inscrever para cursos em que a instituição optou por um peso diferente para determinada prova do Enem, o sistema automaticamente deverá fazer o cálculo, de acordo com as especificações determinadas da instituição, gerando uma nova nota. Visto isso, um candidato pode ter notas diferenciadas para cursos diferentes.

Outra informação relevante é a de que algumas instituições de ensino adotam também uma nota mínima para a inscrição em um determinado curso. Ao solicitar uma vaga, o aluno será informado se sua nota é suficiente para pleitear o curso em questão. Se não for, o estudante poderá optar por outro curso em outra instituição.
Resultados

Como dito anteriormente, a previsão é de que o resultado, com a primeira chamada regular dos aprovados, seja publicado no dia 18 de Junho, no site do programa e nas instituições que estiverem ofertando as vagas. Os convocados deverão comparecer para as matrículas presenciais entre os dias 22 e 28 de Junhos, de acordo com os locais e horários de atendimento especificados pelas instituições.

Aqueles que não forem convocados na primeira chamada poderão solicitar interesse pela lista de espera entre os dias 22 e 27 de Junho. Nesse quesito, a convocação e as informações referentes às matrículas serão disponibilizadas pela faculdade ou universidade participante.

MAIS NA WEB