Eleições 2018

Georgiano defende decisão do PSD de indicar Júlio César ao Senado

“Apesar do PSD ter tido baixas importantes, é um partido que tem capilaridade em todo o estado do Piauí", afirmou.

BÁRBARA RODRIGUES
DE TERESINA
- atualizado

O deputado estadual Georgiano Neto afirmou que o PSD mantém a intenção de conseguir a vaga ao Senado na chapa majoritária do governador Wellington Dias (PT), mesmo tendo sido prejudicado com a janela partidária, que se encerrou no dia 7 de abril.

Com a janela partidária, o PSD perdeu dois deputados estaduais. Edson Ferreira, que se filiou ao PSDB, e Dr. Pessoa, que foi para o Solidariedade. Os dois seguiram para partidos da oposição. Agora a legenda tem apenas Georgiano Neto na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi).

  • Foto: Lucas Dias/GP1Deputado Georgiano NetoDeputado Georgiano Neto

Apesar disso, o partido se mantém firme na decisão de indicar o deputado federal Júlio César para compor a chapa majoritária de Wellington Dias na vaga ao senado. “Apesar do PSD ter tido baixas importantes, é um partido que tem capilaridade em todo o estado do Piauí, está presente em 214 municípios. Nas eleições de 2016, elegemos 26 prefeitos, 18 vice-prefeitos e 200 vereadores”, destacou.

Ele explicou que o partido está unido no objetivo de conseguir participar da chapa. “Essas lideranças [eleitas pelo partido], permanecem unidas e engajadas nesse projeto para levar o nome do deputado Júlio Cesar ao Senado Federal”, afirmou.

MAIS LIDAS